1545970_10202904942334588_1524051069_n

Perguntam-me muitas vezes como é que eu faço as compras desde que estou sozinha (sozinha não…tenho o meu amor canino) 🙂

Pois bem, muita coisa mudou sim.

Agora tenho uma casa menor, muito menos espaço para fazer stock, por isso a ida às compras é muito menos trabalhosa e mais económica.

Continuo com a mesma organização, continuo a fazer listas, a ver as promoções e até a usar os cupões, mas não compro tanto como fazia.

Como também estou de dieta, deixo passar imensa promoção, simplesmente porque de momento não vou comer esses produtos. Não compro por comprar. Esse é o problema de muitas pessoas, compram porque está em promoção.

Quando chegar ao meu peso ideal (já falta pouco), vou adicionar outros alimentos à minha dieta mas como quero manter, e já estou habituada a comer assim, dificilmente vou voltar a comer esparguete à bolonhesa com a mesma satisfação 🙂

No inicio da dieta e como tinha muita coisa em stock, eu fiz trocas com o meu irmão (posso garantir que poupei imenso dinheiro nesse tempo), ver aqui como fiz a gestão do orçamento.

Agora que estou sozinha, e isso aconselho a todas as leitoras que estejam nas mesmas condições, eu continuo a comer as refeições que devia. Não estou preguiçosa e aí é que está o erro. Têm preguiça e comem porcarias.

Eu faço sempre uma refeição por dia, alguma coisa cozida, ou faço sopa, ou faço uma salada. Tento sempre manter esse hábito. Muitas vezes vou jantar ao meu irmão e ao fim de semana almoço sempre com o meu pai e é sempre grelhados.

Em relação à minha despesa de compras de supermercado, neste momento é menos de 40 euros por mês….compro muita fruta e legumes e como muita sopa. Não por questões económicas, é mesmo porque estou de dieta e sempre gostei muito de sopa. Fico satisfeita com uma boa sopa e também nunca como em grandes quantidades.

Já me perguntaram se tenho o dia da asneira. Não, tenho momentos de fazer asneira. Se me apetecer uma pizza, eu como (uma ou duas fatias no máximo) ou se me apetecer uma bifana, vou à feira e como. Compenso depois no dia a seguir com uma caminhada.

Nunca conseguiria viver sem comer certas coisas (bola de berlim ou sandes de torresmos) a vida é para ser vivida. Se demorar 7 meses a recuperar o meu peso ideal, em vez de 6 (porque comento estes pequenos excessos), não tenho qualquer problema com isso.

Não me lembro de mais nada agora, perguntem o que quiserem nos comentários, que eu respondo.

Related Posts with Thumbnails