Decorar o quarto de uma criança requer algum método. Queremos que seja funcional, mas também bonito e harmonioso.

A solução passa por simplificar. Encontrar soluções que se enquadrem no nosso orçamento e que permitam várias funções.

Hoje em dia, encontramos no mercado imensas opções para todos os gostos e para todas as carteiras.

Definir espaços, formar grupos de objetos e arrumar de forma adequada, facilita não só a procura de um objeto especifico, como também descomplica na altura de o arrumar.

Vale a pena investir algum tempo na sua organização para depois facilitar o processo de limpeza e arrumação.

Caixinhas e cestos, não só decoram como mantêm tudo separado e arrumado. Tanto podem estar à vista, como arrumadas em gavetas ou no roupeiro. Escolha as que se enquadram na decoração.

Para tranquilizar os que têm medo do escuro, existem várias opções.

Os adesivos fluorescentes decoram as paredes, mas também brilham no escuro.

As luzes de natal são agora “permitidas” durante todo o ano e são tão aconchegantes.

As lanternas decorativas a pilhas existem em vários formatos e deixam qualquer quarto mais bonito.

As velas decoram e perfumam o quarto e os suportes para joias mantêm à mão as preferidas de uma forma simples e bonita.

Cestos grandes, sacos para roupa suja, baús e caixas de madeira, arrumam os brinquedos maiores e facilitam a arrumação do quarto.

Um simples banco, poderá servir de apoio aos livros preferidos, sem roubar muito espaço.

Ensine aos seus filhos os locais adequados à arrumação de cada objeto e deixe-os arrumar, mesmo que não o façam com precisão.

É também importante ir destralhando. As crianças têm tendência para guardar coisas sem utilidade. Os brinquedos vão-se estragando e os seus gostos vão mudando. Não vale a pena manter o que não faz falta.

Na casa e na vida, quanto mais simplificamos, mais leves ficamos.

A Vanessa também escreve aqui. Num sitio só seu.

Visitem Um Sonho só Meu

Related Posts with Thumbnails