Search here...
TOP
Compras Poupar Promoções

Compras Econónimas – Faça Cedências!

Recebo imensos e-mails a pedirem-me para explicar como consigo gastar tão pouco em compras de supermercado.

Já expliquei um pouco aqui, aqui, aqui, aqui e em outros posts….é só fazerem pesquisa no meu site que encontram imensas dicas de como poupar no supermercado.

Eu vejo tudo, planeio, aproveito promoções, estou atenta aos talões de desconto, faço pesquisa e apesar de gostar de algumas marcas, como por exemplo ( leite com chocolate da Ucal ), tenho feito experiências  e cedências ao optar por marcas mais baratas.

Por vezes o mais barato nem sempre significa qualidade inferior.

Actualmente, existem os chamados produtos de marca branca, que são bastante mais em conta e têm uma boa qualidade.

Por isso perdi algum tempo a olhar para as prateleiras e testei alguns desses produtos.

Uns não foram aprovados mas em muitos deles não noto grande diferença.

E assim poupei imenso na conta do supermercado.

Também recebi imensos e-mails a dizerem que era impossivel gastar tão pouco.

Façam o que eu faço e depois passem cá outra vez, ok? 😉 🙂

Related Posts with Thumbnails

«

»

43 COMMENTS

  • Lúcia Lima

    Olá Mónica,

    Só põe em causa a tua palavra quem nem sequer se dá ao trabalho de parar um pouco para organizar a sua própria vida, ou quem ainda vive de certa forma desafogado, penso eu.

    Eu já tinha posto muita coisa em prática ainda antes de conhecer o teu site, e depois de o conhecer comecei a por outras, e possa dizer que só nas compras semanais poupei cerca de 30 euros hoje gasto cerca de 70/80 com carne e peixe incluídas, tenho as parteleiras da despensa cheias e a arca tb, qdo anteriormente gastava entre 100/110.

    Só não ligava muito aos cupões do modelo/continente pq raramente lá ia, pq não gosto da marca deles, compro tudo no pingo doce, mas agora até isso eu aproveito mas só nos produtos de marca que gasto habitualmente e posso dizer que já tenho uma boa quantia no cartão.

    Em vez de duvidar da palavra de outra pessoa, pq não parar um pouco e fazer contas á vida, afinal é para nosso proveito…certo?

  • Ana P.

    Mónica,

    Passou-me completamente ao lado teres dado um valor para as tuas compras mensais :S

    Eu também uso muitas marcas brancas. Nos artigos de higiene é que evito.

    Beijinhos

  • **

    Bom dia,

    O que eu realmente gostaria de saber era se trabalhas e tens um horário normal…pois para poder pensar em tudo isto e ser assim organizada, decerto tb n te falta é tempo! e além do mais, nunca falas do teu trabalho!!

    • Mónica Dona d
      AUTHOR

      Ó asteriscos…

      Desde quando eu sou obrigada a falar do meu trabalho?

      Eu não faço nada, vivo do ar.

      Se quiser mais alguma informação minha que seja útil à sua vida, estou ao dispor, ou talvez não.

      • Sónia

        Ah ah ah, boa resposta Mónica!!!

    • paula

      🙂 que piada … se calhar nao tem mesmo nada que fazer á vida ….dona mónica,não ligue.Esta a fazer um bom trabalho e realmente foi uma boa resposta . 😉

  • Cris

    É claro que é possível!! Só não poupa quem não quer, que é mesmo assim.

    Eu não sou muito de mudar quando gosto mesmo de uma coisa, mas permito-me experimentar e há muitas coisas que compro já marca branca.

    E as promoções aproveito sempre!

    E é preciso também estar muito atento e planear a nossa visita ao supermercado para não trazer coisas supérfluas e que não precisamos 🙂

    Beijinhos.

  • Tempo

    Concordo contigo, inspirada no teu site, já fui às compras perdendo mais tempo a analisar os produtos e as promoções, se formos à pressa acabamos por não reparar se as coisas valem mesmo a pena. Agora vou sempre às compras com a minha lista e quando compro analiso preços, quantidades, etc.
    Beijinhos

  • Ana

    Oi Mónica, eu tenho as mesmas preocupações, há que poupar mesmo. A única coisa que eu gosto de manter ao máximo possível é a compra de produtos com origem em Portugal, mas mesmo aí há muitas marcas brancas com produtos feitos em Portugal.

    Beijinhos, Ana

  • Adriana Alencar

    Já comprei desses produtos brancos e, realmente, não há grandes diferenças, a não ser o preço. Irei conferir os outros posts.

    Beijo

    Adri

  • Susy

    Olá, há muito tempo que sigo o teu blog (até mesmo antes de teres mudado de casa :-)) mas acho que é a primeira vez que comento e não podia deixar de o fazer. Tenho tirado muitas ideias e muitas dicas e agradeço por haverem pessoas que as partilham. Consigo selecionar o que acho importante e útil do que não me interessa, agora interessa-me lá saber se tens emprego??? se tens tempo ou não??? Este tipo de comentários é que são de pessoas que realmente não devem ter mesmo nada para fazer…

    PARABÉNS MÓNICA PELO BLOG.

    Beijinhos Susy

  • Ana

    Susy, subscrevo inteiramente.

  • paula m.

    Olá Mónica,

    Sou tua leitora habitual e comento ocasionalmente; desta vez, porque ainda fico pasma com alguns comentários, achei que devia deixar mais um testemunho.

    Nao, nao estás enganada e sim, é possivel poupar significativamente nas compras, se

    -compararmos precos

    -aproveitarmos promocoes

    – fizermos cedencias em relacao a algumas marcas/ supermercados

    – abdicarmos de algumas coisas das quais nao precisamos realmente

    -planearmos refeicoes

    -reaproveitarmos sobras

    – minimizarmos a compra de refeicoes prontas

    -optarmos por produtos da época

    Se dá trabalho? Ah, pois dá. Tem de se dedicar algum tempo a folhear papeis e folhetos. Mas que resulta, resulta. E quem quer, consegue! Sem passar mal, sem deixar de fazer uma alimentacao saudavel e variada.

    Também vivo do ar e apesar de ter uma casa, roupa e filhos para tratar, sempre usei este método.

    Um beijinho e parabens pelo blog; eu quando por aqui e aprendo sempre qualquer coisa!

  • Baunilha

    Mónica, eu sou 100% adepta de "compras controladas" e "produtos brancos"! nota-se bem na factura! Quando encontrei o teu blog adorei!! pois aprendi mais uns truques e retirei muitas ideias…

    Cá em casa controlamos bem as despesas, raramente fazemos "extras" e não signinifica que não temos qualidade de vida… muito pelo contrário! alimentamo-nos bem, divertimo-nos e não temos dividas! 🙂

    Só levo o meu filho ao supermercado quando o pai também vai (para o controlar! ehehe!), porque se for para fazer as compras da semana, vou sempre sozinha! há sempre um tempinho num dia da semana para isso: aproveito as datas dos talões e descontos, etc… levo uma lista de acordo com o que é mesmo necessário e o que estipulei para as ementas da semana. E chega! tenho definido um plafom semanal. Quando sobra, há sempre direito a outros miminhos 🙂

    Continua que estás bem!!

  • sarokas

    É muito fácil poupar no supermercado, basta levar uma lista bem feita, ver bem os preços e aproveitar promoçes, vales e taloes!

    há pessoas que não se dão ao trabalho de perder uns minutos e com eles poupar uns bons euros!Sabe tão bem poupar! 😉

    Marcas brancas?! Sim!!!!!! são boas e amigas da carteira!

  • Manuela

    O poupar está realmente na forma como cada um decide investir o seu dinheiro.

    Não quero de forma alguma criticar seja o que for, apenas expresso a minha opinião, e sejamos sinceros que muitas vezes alguns produtos das marcas brancas não são de boa qualidade.

    Se estivermos a falar por exemplo de papel higiénico, para mim não tem diferença, porque papel é igual em todo o lado, e as variantes do mais cheiroso, mais macio e afins, não me interessam.

    Agora em comida penso que se nota bastante diferença.

    Eu como não vou ao mini preço regularmente, e ao continente na zona onde moro não tem muita qualidade na fruta e legumes, talvez não tenha esses vales de promoção.

    Mas se as pessoas cortarem nas bebidas gaseificadas, bolachas e produtos desnecessários, vão ver que poupam pela certa.

    Já se deram ao trabalho de olhar para os carros de supermercado, de pessoas que aparentemente são mais desfavorecidas?

    pois olhem com atenção e verão que por vezes as pessoas não poupam porque não querem.

    Agora Mónica, só um aparte, quando tiver filhos, verá que o seu tempo disponível vai desaparecer e aí será mais complicado esse seu método de listas para tudo e mais alguma coisa.

    Note-se que não estou a criticar, cada um é livre de se organizar como entende, mas por vezes também me faz confusão como é que tem tempo para tanta lista.

    No entanto eu já falei aqui que algumas das suas dicas são bastante úteis, e que gosto muito de visitar o seu blog.

    Mas que seria da vida se só poupassemos!

    Certamente nos cria um sentimento de proibição cada vez que formos ao supermercado e nem olharmos para o preço do que estamos a comprar.

    Também é bom por vezes um pequeno gasto.

    Um beijinho

    manuela

    • Andreia

      Ola Manuela, eu tenho 3 filhos, trabalho, estou a tirar um curso , tenho a casa para cuidar e so mae solteira! Eu tenho que fazer as compras , uma vez por semana , com os 3 filhos comigo . Apesar de ter o meu tempo e dias todos ocupados , eu tenho que fazer listas e comparar onde posso comprar produtos mais baratos. Eu vivo na Inglaterra, se eu nao perdece o meu tempo a fazer isso gastaria imenso. Perco umas horas no domingo depois das criancas adormecerem. Tempo a sempre, e so organizar!

  • daniela

    Olá Monica,

    Sinceramente acho que comentários como os dos *.* não são para levar em conta. Eu sigo o seu blog todos os dias e tem-me ajudado a poupar e a organizar o meu trabalho.

    E quanto às listas que usa eu tenho começado a fazer o mesmo e quando as faço consigo fazer tudo. São cinco minutos a fazer a lista e nada nos escapa.

    Parabéns e continue.

  • Ana Martins

    Olá Mónica!

    Como já lhe disse noutras ocasioes, não devia dar importancia alguma a esses comentários, de gente parva…

    Em relação à poupança, sigo muitas das dicas de que falas, e realmente consegue-se poupar bastante.

    Uma das dicas que te "copiei" foi precisamente o dar mais valor aos taloes, fazer um stock daquilo que mais se gasta quando estar em promoção e sem dúvida planificar as compras.

    E, apesar de ter sempre muito que fazer, dou-me ao trabalho de perder uns minutinhos com as listas de compras e poupar uns €€€, que andam escassos.

    Como já aqui foi dito, poupa quem quer e quem se dá a esse trabalho, quem tem pre disposição para mudar.

    Há aqui um comentario que refere os carrinhos de compras de determinadas pessoas que aparentam ser de classes mais desfavorecidas e que , com muita razão, refere que nem se dão ao trabalho de escolher: temos dinheiro comemos o que nos apetece, amanha se não tivermos, logo se vê…

    Lamentável, mas muita gente ainda pensa assim.

    Obrigado pelos teus posts Mónica, gosto muito!

  • Tixa

    Olá Mónica! Eu faço precisamente isso tento ao máximo estar atenta a tudo, algumas coisas de higiene tenho mesmo que comprar de marca (pelo menos enquanto puder). É claro que às vezes cometo deslizes como são raros felizmente! beijinhos

    Olá **!

    Acho incrível gente como tu criticar ou apontar o dedo a um Blogger, quem não gosta do Blog não coma, não visite, é simples. Porque perdes o teu precioso tempo? Get a life!

  • Isa

    Olá Mónica,

    Sou visitante assidua do seu blog, venho cá todos os dias e diversas vezes ao longo do mesmo. Aprendi bastante consigo a todos os niveis e até chego a casa mais entusiasmada e já com a lição estudada do que vou arrumar nessa noite. também comecei a preparar o menú semanal e a dar maior valor aos talões de desconto. Muito Obrigada e continuação do excelente trabalho que tem feito até aqui.

    Beijinhos (para o Simão tambem…. :D)

  • Allie

    Pessoalmente, aproveito muito das dicas que apresentas. E ainda bem que vives "do ar" 😀 pois assim tens mais tempo para nos indicares mais formas de poupança e organização.

  • alice Milao

    ola Monica!

    Eu contigo so aprendo coisas interessante e que fazem bem a carteira! olha, posso perguntar te quanto gastas em compras ( alimentacao somente) por mes, se nao é indiscreto?

    olha, eu gasto para mim e para o meu namorido cerca de 200/250 euros!!!! e acho que é muito para duas pessoas… ainda por cima faço as minhas compras todas no Lidl e as vezes em quantidade e promoçoes!! ainda nao percebi porque atinjimos este valor tao elevado! ainda por cima aproveito todos os restinhos! so no peixe e talho gasto 60 euros/mes e o resto fica para a mercearia e fruta e legumes!! que fenomeno!!

    sinceramente tenho que diminuir este valor seja la como for!!

    obrigada pelas tuas maravilhosas dicas! Tenho a certeza que a tua mae la em cima tem muito orgulho em ti!!

    Beijocas

  • Mónica Dona d
    AUTHOR

    Alice,

    Gasto cerca de 90 euros por mês.

    Bj

    • paula

      Eu quando vou ao continente gasto por volta de 150 euros,e nem dá para um mes e depois as outras despesas …gostava muito de conseguir poupar como você.Fora a fruta que se gasta muito,e eu quando saiu do meu trabalho vou a uma mercearia no porto,vila nova de gaia

  • Raquel

    Eu compro quase tudo de marca branca e seguindo a lista que faço da ementa para a semana, mas não consigo poupar quase nada. Acho que o próximo passo será repensar as refeições e fazer contas às que ficam mais baratas. Eu bem que tenho tentado, mas não tenho conseguido diminuir mais a factura.

    Os 90€ que gastas por mês são das duas refeições por dia, ou só uma?

    beijinho e bom resto de semana **

  • Rafaela Lima

    Oi, Mônica!

    Vim retribuir a visita que fez lá no blog. Adorei suas sugestões para economizar nas compras de supermercado, são muito úteis.

    Beijos!

  • Paula

    Olá Mónica e "seguidoras/acompanhantes" do blogue : Obrigada pelas suas dicas. Há coisas que sugere que, pela vida agitada do dia a dia, nem temos tempo para as pensar, assim se alguem as pensou e põe ao dispor só temos que agradecer.Haja disponibilidade para aprender . Perdoe-me mas deixe-me deixar aqui uma reflexão para dois comentários: já pensaram que os "desfavorecidos" muitas vezes são-no porque nem têm conhecimentos/competências para organizar a sua própria vida?

  • Mafalda S.

    Também concordo que assim se poupa mais. Eu faço isso, no que posso. Só faço excepção para alguns produtos biológicos (mas até já existem biológicos de marca branca – marca Continente, por ex.).

    Beijos

  • Joana Santos

    Olá Mónica.

    Antes de conhecer o teu antigo blog eu já fazia listas de compras, mas não fazia ementas. Na altura, como comprava consoante as promoções, fazia armazém até de coisas desnecessárias. Basicamente, fartava-me de gastar dinheiro mas tinha abastecimentos para o ano todo. Podia ficar isolada sem acesso a supermercados que não morria de fome. A carteira é que andava sempre vazia.

    As marcas brancas sempre experimentei e o que gosto uso, o que não gosto não uso.

    Mas com o teu blog comecei a fazer ementas mensais que depois jogo com o tempo que tenho e altero os dias. Faço, não se pode chamar ementa, é uma lista de refeições para todo o mês sem dias especificos. Depois escolho o que me apetece dessa lista. Por vezes faço sobras ou só sopa e uma sandes, uma bifana ou algo assim, essa receita sobra para o mês seguinte tal como os seus ingredientes.

    Legumes tenho sempre bastantes congelados porque trago da horta da minha avó, mas também compro e congelo. Faço as compras uma vez por mês de peixe e mercearias (carne é a minha avó que oferece caseirinha)e, sempre que necessário compro fruta, legumes e iogurtes para fazer em casa. Com isto, faço compras para 4 pessoas e algumas visitas por 130€ mensais. Carne só compro de perú mas compro umas embalagens em vácuo já cortadas em bifinhos no continente que são ao peso. Gasto entre 8 e 10€ nisso e em casa congelo individualmente.

    Listas não consigo fazer. Já tentei mas a trabalhar por turnos sai-me tudo trocado.

    Por exemplo, planeio passar a ferro na segunda à noite mas tive inventários o dia todo, venho de rastos e o marido ficou até tarde a trabalhar ou o miúdo está adoentado e já não consigo. Mas admiro muito que, como a Mónica, as consegue fazer e não vive sem elas.

    Tenho é um pequeno bloco onde aponto as tarefas importantes, tipo consulta na 2ª, reunião de infantário na 3ª… para não esquecer e à noite vou lá espreitar para não falhar em nada. Mas as listas propriamente ditas não me entram na cabeça… Adorava conseguir mas não dá mesmo…

    Todo este testamento para dizer que a Mónica é uma inspiração para todos nós e tenho muita pena de nenhuma editora lhe fazer a proposta de editar um livro. Já fazem falta livros de organização e poupança em Português. A maioria está em Inglês e não há traduzidos… A Mónica faria sucesso de certeza.

    Um Beijinho Grande

  • liliana

    ola pessoal

    eu pessoalmente ja não consigo reduzir mais.ha certas coisas que prefiro de marca e outras que o meu pai implica que o que e marca e que e bom. enfim. pensava eu que para 4 por vezes gasto 200 a 250 mas somos 4 com carne incluido.

    tambem ja me disseram que fizeram as mesmas compras no lidl e no mini preço e o valor foi mais caro 100€ no lidl. eu pessoalmente faço as compras no continente so algumas vou ao mini preço.

    o tempo e conometrado mediante o despacho de cada um.é como a cozinhar pode ser o mesmo prato mas existem pessoas que demoram mt mais a fazer a mesma coisa.

    continua com as tuas dicas

    bj

  • Marta

    Eu gasto, por mês e para duas pessoas, cerca de 100/120 euros. Em meses de aproveitar promoções, posso até chegar aos 150. Em Fevereiro, por exemplo, gastei 150 e em Março 7.50 euros (sim, sete euros e meio!!) graças a ter a dispensa/arca cheias e ter dinheiro acumulado em cartão.

    Noutro fórum (que por acaso, Mónica, também frequentas) tenho-me apercebido que o valor em supermercado também depende muito da alimentação que as pessoas fazem e dos produtos que compro! Eu, por exemplo, se eliminasse as bolachas e bebidas da minha lista, tinha um valor mais baixo, mas gosto de comer/beber essas coisas e compro.

    Que dá trabalho ver promoções e talões e planear refeições e ver o que compensa, não compensa, experimentar produtos e afins? Dá. Muito. Mas os resultados são fantásticos!

    E para quem diz que os produtos de higiene devem ser de marca… eu uso tudo isso de marca branca e estou absolutamente rendida!

    • Sónia

      Olá Mónica,

      É raro o dia em que não venha dar uma olhadela ao seu blog. É inspirador para muitas familias portuguesas. É a minha primeira vez neste mundo da bloguesfera, por irsso cá vai…

      Cá em casa somos dois e um piolho de quase 5 anos e or mês gastamos uma média de 250 a 300€ no supermercado, fazendo as compras semanalmente. Quem tem esta tarefa é o maridão, alegando que se controla à lista de compras que leva com ele.O local eleito tem sido sempre o Pingo Doce, o que se calhar não ajuda a reduzir a o valor total. Não tenho por hábito ver promoções, nem há talões de desconto no PD. Se calhar há, mas não sei. Até agora tenho lido todos os seus conselhos e meditado, dizendo pra mim mesma que é hoje que vou começar a aplicar algumas das dicas que sugere, mas acabo sempre por adiar.

      parabéns por este cantinho e deixava aqui uma questão que me tenho colocado muitas vezes: Qual dos supermercados tem melhor preço/qualidade?

      Beijokinhas alegres 🙂

  • Virgínia

    Olá Mónica

    Gosto muito do seu blog. Sempre que posso venho cá dar uma espreitadela.

    As suas dicas de poupança já as uso há longos anos para todas as compras quer no supermercado quer nas restantes despesas, água, luz, telefone, etc.etc.

    Além disso uso muito a chamada 'economia paralela' que não pode ser contabilizada.

    Eu explico; tenho um quintal enorme, com dezenas de árvores de fruto, cultivo muitas flores e alguns (poucos) legumes.

    Os meus vizinhos são lavradores e fazemos trocas, fruta e flores por legumes sempre frescos.

    Ainda hoje apanhei, pelas redes do muro de vedação, ervilhas de quebrar… vou fazer um arrozinho; segunda feira deixaram-me grelos e couve coração pendurada nas redes; eu deixei dois sacos de fruta, laranjas e kiwis.

    Também tenho uma prima que me dá cebolas, batatas, alhos, pencas e etc.etc., em troca eu enfeito e cuido do jazigo de família.

    Há um comerciante que vem cá buscar sacos de limões, em contapartida traz-me azeite da quinta do pai.

    Como vê, tenho possibilidades de economizar muito.

    Também a minha mãe e eu nunca vamos ao cabeleireiro, sou eu que corto os nossos cabelos, arranjo e faço as colorações.

    Ah! Também vivo de ar e vento… infelizmente há nove anos deixei o meu trabalho e fechei a minha casa para vir cuidar dos meus pais, entretanto o meu pai faleceu há três anos depois de estar dois anos acamado, foi muito difícil.

    Mónica, desejo-lhe as maiores felicidades.

  • Ana

    Olá Monica.

    Adoro o teu blog e desde já quero dar os meus parabéns pelo blog sem duvida util que tens.

    Eu moro com meu namorida e vou uma vez por mês ao jumbo fazer as compras mensais sempre com uma lista de compras definida(carne, peixe, mercearias),as frutas e legumes mais queijo fiambre e pão ficam para 1 vez por semana.

    Opto sempre por marcas brancas excepto na lixivia para roupa.

    Como a base de carnes brancas (frango e peru) e raramente vaca ou porco e como peixe em dias alternados. Mas mesmo assim e vendo o que as meninas gastam, estou a achar que estou a gastar muito! Por mês gasto entre 200 e 250 para 2 pessoas. Ah e não sou de comprar bolachas nem refrigerantes nem aguas engarrafados (nada disso entra em casa).

    Não estou a ver onde posso cortar mais… compro apenas o essencial… Faço sempre jantar a mais que fica para o almoço do dia seguinte tanto de mim como dele.

    Uma boa maneira de poupar é quando se recebe retirar pelo menos 10% do que se ganha para uma poupança.

    Bjinhos para ti e Simão

  • Ana

    Ah esqueci de mencionar que anoto todas as despesas que faço. O valor acima mencionado é com todas as idas á padaria ou supermercado para comprar fiambre.

  • Liliana Teixeira

    Olá Mónica, descobri o seu blog atravês de um forum de onde somos membros á já alguns aninhos e visito-o com bbastante regularidade, até, porque está na minha lista de bloges a seguir!

    Sou mãe de dois meninos, um com 10 meses (fase complicada, a descoberta) e outro de 6 anos (não menos complicada pois iniciou-se nas actividades escolares e teve um mesmo ano, nada mais complicado…), sou dona de casa, esposa, chef de cozinha particular em minha casa, pasteleira, electricista… Enfim, sou pau para toda a obra mesmo!?

    Não acho que seja complicado sermos organizadas e poupadas, conseguirmos gerir o nosso dia-a-dia e ser-mos adeptas do "faça você mesmo" nem acredito que para isso tenhemos de dedicar 24 sobe 24h ao lar e abdicar da maternidade como aqui já foi sugerido (em tom de afirmação).

    Consigo fazer tudo e mais houvesse para fazer e tenho ao meu cuidado uma casa, duas crianças e um sem fim de tarefas diárias cornometradas ao segundo.

    Não uso fraldas nem toalhetes descartáveis, não pago serviços de terceiros, não compro alimentos preparados nem sequer tenho quem me ajude com qualquer simples tarefa visto sermos uma família de quatro (pai, mãe e crias) e o meu marido ter uma profissão bastante ingrata. Não somos ricos, pagamos as nossas prestações como qualquer simples mortal e não me considero uma Super Mulher mas pelo que tenho visto ando a caminhar a passos largos para isso.

    Os alimentos que cá entram em casa são, unicamente, matérias primas que transformo em tudo o que se possa comer (pão, bolachas, bolos, iogurtes, papas de fruta, papas de cereais, refeições…) tudo o mais biológico possivel,além de saúdavel é bem mais barato.

    Se acham que é impossivel existirem pessoas como a Mónica, parem um pouco e pensem no que andam a fazer com as vossas vidinhas porque ou são muito desorganizadas de desprovidas de inteligência ou o dinheiro caí-vos aos pés e só têm de o distribuir.

    Eu até tenho tempo para vir dar uma vista de olhos ao blog da Mónica! E não o faço ás tantas da madrugada como muitas que cá vêm para criticar. Como isto me irrita…

    Se o vosso orçamento fosse mais limitado teriam tempo e capacidades para bem mais, estarei errada?

    Beijinhos

  • eu

    Não vale a pena dar ouvidos…

    Eu tenho gostado tanto das sugestões que acabo de deixar um post dedicado a este blogue no meu.

    Força e bom trabalho!

  • Eu posso dizer que em minha casa somos dois adultos, comemos muito bem os dois, e gastamos em alimentação no supermercado cerca de 80€ por mês. Agora os preços subiram um pouco e às vezes bate quase nos 100€ mas na maioria das vezes conseguimos cumprir o orçamento. Posso dizer que todos os dias levo almoço e o lanche para o trabalho, tomo o pequeno almoço em casa e não sou pessoa de me satisfazer só com sopinha e uma peça de fruta. Bem sei que também tenho ajuda: o marido é vegetariano (mas come por 4), os sogros criam animais e raramente compro carne e ao fim de semana estou quase sempre em casa dos pais ou dos sogros. Mas é possível sim! Este mês até vou ficar abaixo dos 80€. É claro que não compro comida rápida, marcas caras, molhos embalados ou muitas coisas que fazem mal e que normalmente são as mais caras!

  • Depois de ler todos os comentários gostaria de acrescentar algumas coisas. Eu também faço listas e cumpro a lista do supermercado escrupulosamente. Se não está na lista, não se compra e ponho na próxima lista; muitas vezes deixa de ser preciso até lá. Faço compras ao mês e frescos à semana quase sempre no Pingo Doce. Promoções não sigo porque tenho tido más experiências: outro dia resolvi debruçar-me sobre o catálogo do intermarché e tinha 3 produtos muito baratos devido a promoções de 50% (detergente máquina da roupa Skip, desodorizante e outro que já não me lembro). Achei que valia a pena e fui lá em vez de ir ao Pingo Doce. Senti-me enganada e frustrada: os três produtos estavam esgotados, a senhora a quem pedi ajuda foi mal educada comigo e demonstrou não estar informada sobre as campanhas que têm, e acabei por gastar muito mais do que se tivesse comprado no pingo Doce. Por isso, promoções desisto!

    Uma coisa que faço que penso que me ajuda a poupar é o registo exaustivo de todo o dinheiro que entra e sai (e quando digo todo é mesmo todo, é ao cêntimo) e análise que faço depois do talão das compras. Verifico sempre onde gastei mais, por categoria e por produto. E tenho abdicado de algumas coisas de que não prescindia antes… Nesquick passou a ser chocolate Pingo Doce (não é igual, mas também não é mau!); e os nossos desorizantes passaram também a ser marca branca (um terço do preço). São só duas coisas e permitem-nos poupar mais de 5€ por mês porque são coisas caras! E faço isto com tudo, não é só com as despesas de supermercado.

    Ressalvo que os 80€ que gasto são mesmo só em alimentação. Os produtos de higiene pessoal e produtos de limpeza são contabilizados à parte!

    Relativamente às marcas brancas, posso-vos garantir que as compotas da compal, pingo doce e mais umas 5 marcas saem todas da mesma panela (nem diferença há nas gramas de canela ou de qualquer outra coisa) – é mesmo da mesma panela! E isso acontece com muitas outras coisas!

  • maria

    eu costumo fazer as minhas compras no continente e ainda por cima entregam-me as coisas em casa. mas a pasta dos dentes não, porque descobri que o colgate de 75ml no continente passa dos 2 euros e no minipreço o de 100ml não chega a 2. eu compro muitos produtos de marca branca menos os cereais.

  • ANGÉLICA CUNHA

    OLÁ MÓNICA É PELA PRIMEIRA VEZ QUE ESTOU A ENTRAR NO SEU SITE E PARA MEU ESPANTO FIQUEI MUITO CONTENTE PORQUE NELE CONSEGUI VER AQUILO QUE EU JÁ PRATICO À IMENSSO TEMPO. POIS O MEU ORÇAMENTO JÁ Á BASTANTE TEMPO QUE É BASTANTE REDUZIDO E SEMPRE ME ABITUEI A FAZER SEDÊNCIAS E A COMPRAR MARCAS BRANCAS E ESTOU BASTANTE SATISFEITA.PARABENS PELO SEU SITE.ANGÉLICA CUNHA

  • Lucia Costa

    Basta ser inteligente e seguir o blog para saber que a Mónica trabalha… em que? não interessa a ninguém… mas se ela leva a marmita para o almoço não deve ser porque anda a passear… certamente que é para o trabalho…

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *