Search here...
TOP
Coisas Minhas

Coisas que me irritam # 17

(imagem retirada da internet)

Este vai ser um três em um 🙂

É estacionarem nos sitios proibidos…

É estacionarem em segunda fila, sempre à porta do café (procurar um lugar está sempre fora de questão)…

É ocuparem mais do que um lugar de estacionamento…

Enfim…eu já chamei a policia 2 vezes porque estive 10 minutos a apitar porque tinha um carro à frente, e uma delas o condutor chegou e disse que esteve a tomar um duche rápido e pensou que eu não ia sair.

Para a próxima deixo cópia da minha agenda no carro para ele saber a minha vida e horários, era uma boa ideia certo?

Há gente com uma lata daquelas bem grandes 🙂

Related Posts with Thumbnails

«

»

29 COMMENTS

  • RDD

    Subscrevo este post … a falta de civismo irrita-me profundamente. A mim já me aconteceu à noite trancarem-me o carro e eu ter uma emergencia para ir ao hospital … enfim certinho que foi chamar a policia, é pena é q às vezes demorem eternidades e não dê para esperar.
    RD

  • Mónica B.

    Bom dia, Mónica,
    Faltou uma… e aqueles que deixam o carro em segunda fila, mas a bloquear lugares vazios????? Ou seja, eles não estacionam, mas mais ninguém pode estacionar! ui ca nervos…

    Beijitos e bom dia.

    MB

  • apequenadonadecasa

    Olá Mónica, quanto tive um carro a GPL por 2 vezes tive de chamar a polícia porque precisava de ir fazer compras e tinha os lugares reservados aos veículos GPL todos ocupados com carros não GPL. O mais engraçado é que dirigia-me sempre ao polícia à frente do estabelecimento que me dizia sempre "mas o que quer que eu faça"???? Olhe quero que chame os seus colegas com o reboque e que retire as viaturas que estão mal estacionadas, que têm mais de 1000 lugares à disposição e ocupam os 5 lugares reservados para GPL.
    Outra que me irrita (este tema para mim dá pano para mangas) é estacionarem nos lugares reservados a quem tenha necessidades especiais, vulgo deficientes – como são pertinho das portas para quê deixá-los a quem não consegue deslocar-se convenientemente?
    Vivemos num país de tristes e de chico-espertos 🙁
    Beijinhos

    • Isabel Silva

      Sabes o que faço quando vejo alguém estacionar nesses lugares, digo em voz alta "Não vejo nenhuma deficiência… já sei deve ser mental ou de falta de juízo!" Ficam a olhar para mim e eu acrescento "Espero que nunca esteja na situação de precisar desses lugares porque depois vai perceber porque razão não custa fazer mais uns passos e deixar os lugares para quem realmente precisa!"

  • Vera

    eu acrescento estacionarem em lugares reservados a deficientes…

  • Lúcia

    Há gente com muita lata!! Será que não sabe ler? Gostava de ver como é que o carro vai sair!!
    A mim irrita-me imenso quando vejo carros mal estacionados a ocupar dois lugares!!! Já estive perto de deixar um bilhetinho!;-)
    bj

    • carla

      Neste caso o condutor do motociclo é que tem razão. Se o carro não conseguisse sair era muito bem-feito visto que os estacionamentos em causa são mesmo para motociclos.

  • vera

    Também já me aconteceu, e também chamei a policia, tive imenso tempo a espera e não veio ninguem….
    Havia uma esquadra perto, fui até lá, eles vieram comigo e só passado um tempo chegou o senhor…..
    A policia disse que eu podia ir, mas ele tinha de ficar…não sei se foi multado ou não,mas um belo susto pelo menos apanhou!

  • Sónia Rodrigues

    Bom Dia Mónica,

    Também n gosto nd q estacionanem a frente do meu carro, já me estacionarem a frente da garagem isto é eu estava a apitar dentro do prédio estás a ver a cena!!!!
    Mas verdade seja dita quase todos os dias para deixar os miúdos na creche tenho q estacionar em segunda fila, é uma zona onde não há quase estacionamento e n tenho mesmo alternativa.

    Bjs

  • Ana Rita

    Bom dia. E os que estacionam nos lugares reservados como os dos deficientes? Só apetece deixar um papel no vidro a dizer que estupidez não é doença!
    Infelizmente vivemos num país onde a falta de educação e respeito pelos outros é uma constante. Eu estou grávida de 8 meses e a partir dos 6 (pq foi quando me começou a custar!) comecei a estacionar nos lugares reservados para grávidas. Quer dizer comecei a tentar… Ainda na semana passada fui ao continente e tive que estacionar no final do parque pq os lugares reservados estavam ocupados. Quando lá passei a pé vejo entrar para um dos carros um homem, na casa do 35-40 anos, sozinho!!! Mas atenção tinha uma cadeirinha de bebé no banco e trás, só faltava mesmo era o bebé, um mísero pormenor!!! Não há paciência….

  • Nina

    A como te entendo. Também me irrita seriamente. E aquelas pessoas que estacionam em frente a portões que para sair de casa precisamos fazer tantas manobras para não riscar os carros.

    Tenho vizinhos desses, irritantes
    http://pouparcomacrise.blogspot.pt/

  • Kyla

    Isso é coisa para me irritar também e muito.
    Estacionarem no meio do risco, ocupando assim 2 lugares (na minha rua chegaram a estar 3 ou 4 lugares sem utilidade por terem estacionado no meio do lugar).
    Também me aconteceu o mesmo que tu, 10 minutos a apitar com um carro a bloquear-me a saída. Cheguei também a chamar o reboque da polícia, mas rápidos como são…deu tempo de aparecer o condutor que nem me pediu desculpa e ainda tive de gastar mais dinheiro para ligar de novo para a polícia a dizer que já não era preciso virem.
    Isso de estacionarem mal para irem a qualquer sítio transcende-me.
    Eu cheguei a levar a minha mãe às urgências do hospital e ainda assim, nervosa preocupei-me em levar o carro para o estacionamento.
    É tudo uma questão de civismo e respeito pelo próximo.

  • Aprender e Organizar

    Bom dia:)
    Em frente a minha casa existe um ATL, são diversas as vezes que quero entrar para a garagem e não consigo é incrível a falta de bom senso das pessoas.
    Bjtos
    Catarina

  • Anita

    Ola Monica,
    nem de preposito, hoje de manha cria sair com o meu carro e tinha outro carro a ocupar-me metade da minha garagem. Tive mesmo que telefonar a policia.
    quando é assim, tem que ser.
    e o dono do carro so veio quando a policia lhe telefonou.
    é como eu digo, quando tem que ser, tem mesmo que ser.
    beijinhos para vocês e continue com o seu óptimo trabalho

  • Iolanda

    As pessoas deveriam ter mais respeito umas pelas outras mas infelizmente nos tempos que correm é cada vez mais raro salvo as excepções. E também quem estacione nos lugares destinados às pessoas com deficiência.

  • Inês Conceição

    Todos os dias tenho carros em frente à minha garagem. Os meus vizinhos já não aguentam as minhas buzinadelas. Hoje buzinei e veio um senhor dizer "Está a estorvar?" e eu respondi – "Não vê que é uma garagem?". Ele não respondeu e, muito zangado, tirou o carro. Sinceramente, não percebo as pessoas. A frase que mais digo durante o dia é: "Que falta de civismo!"

  • Mónica B.

    Venho só acrescentar uma situação que me aconteceu a mim. Quando estava grávida… ou melhor, muitooooooo grávida utilizei um lugar para grávidas, só porque já me custava imenso a deslocar-me e era para fazer uma compra rápida, quando cheguei ao carro tinha um bilhete do Centro Comercial a dar-me um "ralhete" porque aqueles lugares eram para grávidas e eu estava a usar o lugar indevidamente. Como é que uma grávida assinala no carro que está grávida? Deixa uma eco no vidro? O caderninho da grávida? Durante a minha gravidez, se utilizei alguma vez as prioridades, foi porque as pessoas nas filas me obrigavam (sim, acontece). A única vez que utilizei de facto um lugar prioritário, levei um ralhete… Ele há coisas fantásticas!
    Com esta me vou.
    Fiquem bem e um beijinho.

    MB

    • Sónia Rodrigues

      Olá Mónica secalhar com uma foto.
      Aconteceu-me o mesmo no Cascaishoping estacionamos no lugar privativo (grávidas, bebés de colo e deficientes) e qd iamos a sair tinhamos um bilhete estacionamento proibido.
      Fui perguntar o pk do bilhete, porque tinha um bebé,ele disse k n tinha visto cadeira nenhuma.
      Poderá a cadeira ainda era o ovo e só tinha ficado a base no carro.

    • Filipa

      Ahahah a eco no vidro é lindo 😀
      Ms repara nem eco nem livro nem foto prova nada, pode ser antigo!!!
      Esses gajos da gestão do centro não teem mesmo nada que fazer?? Vão mas é jogar à sueca para um canto.

      Ou seja, será que ralham a todos, tipo "pelo sim pelo não" ??!! Só gente louca neste mundo…

  • TCRF

    Olá Mónica e todas as leitoras,

    Eu tenho uma "sina" parecida. Vou de carro até ao comboio, e estaciono numa praceta, que tem um jardim de infância. Normalmente tenho sempre o carro trancado, o que me irrita, porque a escassos metros existem bastantes lugares vagos… e os outros (os "otários/as") que gostam de ser civícios, ter o mínino de bom senso e de respeito pelo próximo é que ficamos prejudicados em prol da preguiça e do egoísmo do ser humano.

    Bicho complicado….

    Beijinhos

  • DCosta

    Olá Mónica,
    Já há muito tempo que digo que se vê o verdadeiro civismo da população portuguesa é na estrada, isto falando de forma muito generalizada. Então no que diz respeito ao estacionamento é o cúmulo. Eu tenho uma escola primária perto de casa e é ver os paizinhos a estacionarem na faixa de rodagem em frente ao portão da escola à espera que os filhos saiam. O que é que acontece, todos os outros condutores têm que ultrapassar a dita viatura para conseguirem prosseguir o seu caminho. Para além de estar mal é perigoso para todos os envolvidos.
    Depois vem o já mencionado parqueamento em lugares reservados, para deficientes e grávidas, esta situação é flagrante, porque as pessoas acham que por terem filhos que já não são bebés de colo ainda têm direito a usufruir deste parqueamento, mas não têm!
    Enfim, esta temática dava pano para mangas.
    Cumprimentos

  • Cátia

    Também é coisa que me irrita profundamente! Ainda para mais porque no meu primeiro exame de condução houve um carro mal estacionado que me dificultou a vida e por causa dele reprovei. Essa gente não tem noção do que faz, é realmente falta de civismo.
    http://viverentrelacos.blogspot.pt/

  • Carina

    Olaaa Mónica.

    O estacionamento é uma coisa que realmente me tira do sério. E por essa razão já tomei várias providencias.

    Chamo reboques (a minha pala já uns 20 carros foram rebocados xD), deixo bilhetinhos escritos.

    Até pode não resolver nada, mas a minha sanidade mental fica mais bem clean quando tomo estas atitudes 🙂

  • Isabel Silva

    Concordo contigo Carina, muitas vezes ainda acabo por ser insultada mas eu sei que a única pessoa correcta sou eu e não este bando de pessoa que só olham para o seu próprio umbigo. Mas retomando algumas ideias já ditas antes, a culpa é mesmo da falta de policiamento. Eu sou professora e quando quero sair do parque de estacionamento da minha escola, quase tenho de me colocar de joelhos e pedir por favor para que tirem o carro porque eu também preciso sair, fazer 60km e ir buscar os meus filhos à escola. E já várias vezes fui insultada, uma vez a tipa só veio depois de eu estar a buzinar (à frente dos alunos é muito giro!) há mais de 10 min e ainda gritou comigo e disse que só tirava o carro se quisesse, eu peguei num bloco tomei nota da matrícula e disse que ia telefonar à polícia. Pois a senhora como devia achar que tinha razão por impedir uma pessoa de sair do estacionamento, veio no dia seguinte falar com o diretor fazer queixa de mim. Digo-vos "haja paciência para aturar alguns destes tugas tão broncos que nem se apercebem que estão errados e tão grande que é o SEU umbigo!

  • Isa

    Mónica, acho indecente da tua parte…coitado do senhor, a tomar o seu duche de beleza e acaba por apanhar uma multa só porque querias sair sem lhe dar contas da tua vida… LOL! É uma lata que só visto!! Já me aconteceu estar uns bons 5 minutos (de noite!) a buzinar para conseguir sair de casa dos meus pais depois do jantar, nada, chamamos a polícia, claro. Mal o carro da PSP chegou e as luzes se fizeram sentir nas janelas dos vizinhos foi ver o vizinho da frente a correr e a justificar que tinha visitas em casa, que não pensaram que ainda fossemos sair e que era desnecessário ter chamado a polícia, que podíamos ter tocado à porta da vizinhança para saber de quem era o carro… Enfim! Gostei deste teu 3 em 1 🙂 Apoiado!

  • Sonia Pinto

    já agora depois de tomar o duche porque não ir dormir a sesta de 15 minutos; quem quiser q espere bolas…
    é a falta de civismo portuga

  • vee

    Aqui no bairro é pessoal que estaciona nas curvas e já apanhei um que estacionou numa das faixas da estrada (nem encostou o carro ao passeio nem nada). Para além da falta de civismo, faz-me imensa confusão como é que esta gente não tem medo de ter o carro estragado por alguém que não consiga fazer a manobra como deve ser (por causa deles).

    Resta acrescentar que por aqui lugares é que não falta, mas têm de andar um bocado (é uma chatice).

  • Rita Carvalho

    Para além disso ainda me deixam de cabelo em pé junto a casa dos meus pais pelo seguinte:
    A entrada para a rua (sem saída) é numa bifurcação que tem um espaço razoável, o que acontece é que existe algumas pessoas que deixam os carros tão mal estacionados que por vezes mal um carro normal passa, se isto se passar à noite, os homens do lixo não vão recolher pois não conseguem passar, se for necessário passar um carro de bombeiros ou uma ambulância vai ser uma desgraça, nem quero pensar nisso…
    Outra situação é ainda quando se lembram de parar em frente à garagem, tive um dia que tive 1h a apitar para poder sair com outro carro e nada, quando minha mãe se lembra que era de um vizinho e bate a porta e lhe digo por 5m que não chamei a policia ainda me tratou mal…
    Fiquei indignada!!!

  • maria de braga

    Um dia atravessaram uma potente mota na porta do meu prédio.Fiquei espantada pois não sabia o que fazer: se abrisse a porta a mota cairia e eu podia ter que responder pelos estragos. Optei por chamar a polícia dizendo que estava impedida de sair de casa por causa da dita mota. Não demoraram. O dono estava duas portas à frente numa oficina. Quando viu a polícia veio a correr ,encheu-se de pedir desculpas, mas não se livrou de uma multa.

Responder a Carina Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *