Como mencionei neste post, eu vou dedicar-me às corridas.

Já estou por tudo 🙂

E por causa de “estar por tudo” é que eu ando a testar o Jejum Intermitente.

Não faço todos os dias, faço 4 x por semana.

Nos outros 3 dias eu como 2 ovos ao pequeno almoço.

Sinto-me bem assim.

Por enquanto está a correr bem mas quando começar as corridas a sério vou ter de mudar a alimentação. Não vou conseguir aguentar correr e não comer.

E porquê que eu optei pelo jejum?

Porque a única maneira de perder peso sem comer porcarias é não comer 🙂

E 16 horas faço bem, porque muitas dessas horas são a dormir.

O Jejum Intermitente (JI) é o nome dado ao estilo de alimentação que vai alternando períodos de jejum com períodos de alimentação.

É um estilo de vida.

Os protocolos mais comuns de jejum intermitente são compostos por jejuns diários de 16 horas, ou jejuns de 24 horas, duas vezes por semana.

Eu nunca fiz o de 24 horas.  Até porque não sou apologista de ficar dias inteiros sem comer.

E quando se atinge o peso ideal, deve-se alterar a alimentação para manter. Nunca continuar a não comer.

Exageros não obrigada! Mesmo agora quando tenho um jantar de amigos, tento não comer doces nem gorduras em excesso. Tudo com peso e medida porque o convívio para mim é essencial.

Related Posts with Thumbnails