Mónica, Lisboa, Portugal
Arquivo
Translater
    Translate to:

O meu Simão
Marca Registada!

marca registada
Resposta aos E-Mails
Sábado e Domingo
Ajude os Animais!
Imagens!
Algumas das fotos deste Blog são retiradas da internet, se alguém tiver os direitos de autor, é só me enviar um mail que eu retiro...as minhas podem utilizar se possível com o link para aqui.
Escolhe o dia!
Fevereiro 2018
STQQSSD
« Jan  
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728 
O que ando a ler!!!

Archive for the ‘Poupar’ Category

Receitas Económicas/Marmita #11

Quinta-feira, Fevereiro 15th, 2018

Eu devia de ganhar um prémio.

A melhor a inventar receitas com sobras 🙂

A sério, minha amigas. Mais uma que ficou uma delicia.

Fui ao frigorífico e verifiquei que tinha um resto de frango cozido, algumas folhas de couve (que sobrou da sopa) e batata doce congelada que comprei em palitos.

Salteei o frango com uma cebola pequena e um pouco de azeite, temperei com alho em pó e pimenta preta.

Adicionei a couve depois de 5 minutos em água a ferver.

Coloquei a batata doce no forno e quando ficou pronta, adicionei 2 ovos e as azeitonas. Misturei tudo.

Polvilhei com salsa fresca e ficou uma delicia.

Deu para jantar e para uma marmita.

Mais uma receita de aproveitamentos que vou repetir com toda a certeza. Ficou mesmo boa 🙂

Poupança: Folhetos e Promoções #72

Quinta-feira, Fevereiro 8th, 2018

Aqui têm as promoções e oportunidades existentes nos folhetos.

Espero que vos ajude a programar melhor as vossas compras.

Minipreço – Bazar e Têxtil (Promoções até 14 de Fevereiro)

Minipreço – Folheto Family (Promoções até 14 de Fevereiro)

Minipreço – Folheto Nacional (Promoções até 14 de Fevereiro)

Continente – Preços mais Baixos (Promoções até 12 de Fevereiro)

Lidl – (Promoções até 11 de Fevereiro)

Jumbo – (Promoções até 11 de Fevereiro)

Pingo Doce – (Promoções até 28 de Fevereiro)

Intermarché – (Promoções até 12 de Fevereiro)

Aldi – (Promoções a partir de 07 de Fevereiro)

Boas compras!

Receitas Económicas/Marmita #10

Quinta-feira, Fevereiro 8th, 2018

Dia de aproveitamento de sobras e invenções 🙂

– Frango desfiado que tinha sobrado de outra refeição

– Um restinho de mistura chinesa que tinha no congelador

– Meia dúzia de azeitonas

– Meia embalagem de natas de soja

– Um restinho de queijo ralado

– 2 ovos

– Metade de uma cebola pequena

Salteei o frango com metade de uma cebola pequena e com a mistura chinesa.

Coloquei as azeitonas e os ovos mexidos.

Coloquei na tarteira a massa que fiz na máquina, com farinha para pão.

Juntei um pouco de natas de soja e o queijo ralado.

E forno com ela 🙂

Ficou uma delicia. Comi tendo salada como acompanhamento e soube mesmo bem.

E ainda deu para mais duas marmitas. Adoro as pontas tostadinhas 🙂

Uma refeição económica, deliciosa e super fácil de fazer.

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #10 – Férias!

Quinta-feira, Fevereiro 1st, 2018

Para mim não irão existir férias a sério nos próximos tempos.

Quando escrevo “a sério” estou a falar de férias no estrangeiro ou férias no nosso país, com alojamento, com casa alugada, etc…

Passo em casa, vou para as praias da linha de Cascais e já vou com sorte.

É a vida. Más opções no passado, levam a consequências no presente e no futuro.

E por isso é que não tiro mais do que uma semana de férias seguida. Vou tirando aos poucos para descansar ou para tratar de algum assunto.

Mas sei que muitas pessoas já trataram ou estão a pensar tratar das férias de Verão e por isso tenho algumas dicas para o antes e para o durante.

Ora atentem:

Primeiro que tudo é escolherem o destino. Ou destinos, para terem mais opções quando procurarem preços. Faça uma pesquisa exaustiva, por vezes os destinos menos usuais são autênticas surpresas. Quando fui à Islândia fiquei maravilhada com o país e nunca me passou pela cabeça passar férias lá.

Verifiquem os períodos de época alta. Por exemplo, para nós época alta são os meses de Julho e Agosto, mas se o destino for o Brasil por exemplo, o período já é diferente.

Verifique os preços em dias da semana. Geralmente ao fim-de-semana são mais caros. Seja flexível nas datas.

Explore as opções low cost tendo em consideração o tempo de voo. Garanto-vos que viajar numa low cost durante muitas horas não é muito confortável. Geralmente o espaço é menor.

Procure referências sobre os destinos, verifique a segurança do mesmo, em termos de criminalidade bem como de doenças típicas existentes nesses mesmos países. Trate de toda a documentação necessária com antecedência, como vacinação, por exemplo, se se aplicar.

Bagagem:

– Faça uma lista do que vai precisar levar

– Inclua uma muda de roupa na bagagem de mão (a bagagem de porão pode extraviar-se)

– Leve amostras em vez de frascos com líquidos. O mais provável é ficarem retidos no aeroporto.

– Veja a temperatura do destino e leve roupa consoante o caso. Não vale a pena levar t-shirts para a neve se acha que não as vai usar.

Alimentação:

Se a duração da viagem não for muito longa, prepare alguma coisa para comer no aeroporto enquanto espera para embarcar. Tanto as refeições no aeroporto como as refeições a bordo (se não estiverem incluídas) são caríssimas.

No destino, se for para um hotel aproveite bem o pequeno-almoço. Se for para alojamento privado, tente alugar uma casa com cozinha. Fica muito mais barato comprar a comida no supermercado do que comer todos os dias num restaurante. No entanto se o seu orçamento permite fazer as refeições fora, aproveite. Está de férias, merece esse mimo 🙂

Transporte:

Evite andar de taxi no estrangeiro. Informe-se sobre a rede de transportes.

E por fim, pense em explorar o nosso país, temos destinos lindíssimos como o Gerês, a Costa Alentejana, o Minho (adorei Caminha e Moledo), temos praias no nosso Algarve que são autênticos paraísos, a Madeira e os Açores, as Berlengas, enfim…temos um país tão lindo e muitas vezes nem nos lembramos dele.

Programe as suas férias com bastante antecedência e faça um mealheiro para não viajar com o dinheiro contado. Acreditem que é horrível, nem poder comprar uma lembrança (já me aconteceu).

Sítios que recomendo e que já mencionei aqui no site:

Dublin

Islândia 

Comida na Islândia

Londres – Parte 1

Londres – Parte 2

Londres – Parte 3

Glasgow

Boas férias!

Poupança: Folhetos e Promoções #71

Quinta-feira, Fevereiro 1st, 2018

Aqui têm as promoções e oportunidades existentes nos folhetos.

Espero que vos ajude a programar melhor as vossas compras.

Minipreço – Bazar e Têxtil (Promoções até 14 de Fevereiro)

Minipreço – Folheto Family (Promoções até 07 de Fevereiro)

Minipreço – Folheto Nacional (Promoções até 07 de Fevereiro)

Continente – Preços mais Baixos (Promoções até 05 de Fevereiro)

Lidl – (Promoções até 04 de Fevereiro)

Jumbo – (Promoções até 04 de Fevereiro)

Pingo Doce – (Promoções até 28 de Fevereiro)

Intermarché – (Promoções até 05 de Fevereiro)

Aldi – (Promoções até 06 de Fevereiro)

Boas compras!

Alerta: Contratos com Prazo de Permanência!

Sexta-feira, Janeiro 26th, 2018

Quem é que nunca adquiriu um serviço e se arrependeu um mês depois? Para não falar em dias 🙂

Este tema bem podia fazer parte da rubrica “Coisas que me irritam” mas como agora já tomo mais atenção, já é raro acontecer, muito raro. Felizmente!

Estou a referir-me a contratos de serviços com prazo de permanência.

Por vezes aderimos, trocamos de serviço porque estamos chateados e depois vem o arrependimento.

Por isso aconselho seriamente em ler as letras pequeninas, as condições gerais, fazer mil e uma perguntas, ser mesmo chata 🙂

É que depois é um problema (se passar o período de experiência) para anular estes serviços, na maioria temos que pagar para nos vermos livres deles.

As empresas não estão cá para perder dinheiro, muito pelo contrário.

Quem é que já teve um caso bicudo?

Vá, contem-me tudo.

Controle as suas finanças!

Quinta-feira, Janeiro 25th, 2018

Eu sei que quando gostamos das coisas, não importa muito se é mais do que estávamos dispostos a dar.

Daí muitas pessoas contraírem dívidas. A vontade supera a racionalidade.

Funcionei um pouco assim durante anos. Juntava ou gastava em coisas que agora vejo que não me fazem falta. Absolutamente nenhuma.

Porque gastei dinheiro naquilo? Porque tomei aquela opção?

Nunca se deve dizer nunca, mas eu digo que nunca mais na minha vida eu irei funcionar assim.

Isto da vida é realmente muito engraçado, porque aprendemos muito, aprendemos a conhecermo-nos e só mesmo passando por elas é que damos valor, já dizia o ditado popular. Somos obrigadas a crescer.

Acho também que muitas famílias estão a passar por dificuldades e que tomaram agora uma postura mais reservada e mais consciente.

Por isso nunca compre por impulso artigos caros.

Mais de metade das vezes, irá arrepender-se e depois não há volta a dar. Vai vender? Por metade do preço?

Pesquise primeiro muito bem, na concorrência, pela internet, aproveite alturas de promoções, procure experiências de terceiros nos fóruns de discussão (para ver defeitos do produto e afins). A internet é um mundo.

Depois de decidir o que vai comprar espere mais 24 horas.

Para ver se realmente precisa desse artigo. Se não arranjou alternativa.

Se realmente lhe faz muita diferença viver sem ele (digo isto porque vivi durante um ano e meio só com 4 canais de TV), pensava eu que não conseguia viver. Olha eu aqui vivinha da silva. Depois de um tempo, não me fazia qualquer diferença.

Faça o mesmo! Vai ver que pode mudar qualquer coisa.

Poupança: Folhetos e Promoções #70

Quinta-feira, Janeiro 25th, 2018

Aqui têm as promoções e oportunidades existentes nos folhetos.

Espero que vos ajude a programar melhor as vossas compras.

Minipreço – Bazar e Têxtil (Promoções até 31 de Janeiro)

Minipreço – Folheto Family (Promoções até 31 de Janeiro)

Minipreço – Folheto Nacional (Promoções até 31 de Janeiro)

Continente – Preços mais Baixos (Promoções até 29 de Janeiro)

Lidl – (Promoções até 04 de Fevereiro)

Jumbo – (Promoções até 28 de Janeiro)

Pingo Doce – (Promoções até 29 de Janeiro)

Intermarché – (Promoções até 29 de Janeiro)

Aldi – (Promoções a partir de 24 de Janeiro)

Boas compras!

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #9 – Refeições fora de Casa!

Quinta-feira, Janeiro 25th, 2018

Já mencionei imensas vezes que gosto de convívio. Gosto de enfardar ;-), mas também tenho as minhas regras que não mudo, mesmo que isso não agrade aos restantes. Tenho pena, mas quem sabe da minha carteira sou eu.

Vejam estes post que escrevi sobre o assunto:

Jantares Convívio #8 – Há sempre maneira 

Viver com Menos #82 – Pagar o que comi!

Mas tenho mais dicas para pouparem nas refeições fora de casa:

– Se tiver dinheiro estipulado para aquele jantar, salte as entradas. Não tenha vergonha de mandar recolher as manteigas, os queijos, azeitonas, etc.

– Escolham restaurantes com menu. Pagam um valor fixo e se tiver bebida incluída, melhor ainda.

– Se bebe pouco, mas gosta de vinho por exemplo, em vez de pedir uma garrafa ou um jarro, porque não pedir um copo?

– Será que no fim da refeição tem mesmo fome para comer sobremesa? Ou vai comer porque os restantes pediram. No outro dia verifiquei que no restaurante uma simples laranja custa 2 Euros. Até fiquei a olhar para a carta.

– Tente fazer jantares em casa, sai mais barato e se os convidados levarem uma coisa, dá menos trabalho para todos.

E se o jantar for na sua casa, não tenha medo de pedir ajuda para levantar a mesa quando o jantar terminar.

A minha melhor amiga nunca quer, o que acho injusto mas ela é maior que eu e depois bate-me (brincadeira).

E para terminar, não tenha vergonha de levar a comida que sobrar. Os restaurantes já têm caixas próprias.

Escrevi sobre isso, neste post:

Viver com Menos #28 – Levar comida do restaurante quando sobra!

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #7 – Roupa!

Segunda-feira, Janeiro 22nd, 2018

Há pessoas que não conseguem viver sem roupa. Precisam de comprar por necessidade, para trabalhar por exemplo, ou mesmo por vicio ou para “curar uma depressão”, o tal exemplo de ir para um centro comercial quando se está chateada, na esperança de ficar melhor. Fica melhor de humor mas arruína a carteira.

Existem imensos truques de poupança que não vai descurar o nosso estilo pessoal, nem se vai refletir na qualidade das peças.

Por isso seja inteligente nas suas compras, como por exemplo no que se refere à compra de roupa para os seus filhos.

Os miúdos crescem muito depressa. Quer mesmo gastar um balúrdio em roupa que ele vai sujar facilmente no recreio da escola e daqui a uns meses já não lhe serve?

Aproveite as feiras, os saldos, as lojas mais baratinhas para essas ocasiões. Brincadeiras com amigos, tardes no parque.

Invista em boas para quando houver saídas ou ocasiões especiais.

Há roupa barata e de qualidade. Procure e vai ver que vai ficar surpreendida.

Isto de ir a centros comerciais e visitar lojas conhecidas só vai pesar no seu orçamento. Para não falar em seguir as tendências. Gastamos imenso dinheiro só para estarmos na moda. Isso para mim está mesmo fora de questão. Até tem o efeito contrário. Perco a pica de usar se vir muitas pessoas com as peças, mesmo que goste muito.

Estou a preparar um post para vos mostrar o quanto estou desligada da roupa.

E digo-vos que funciona. Ando bem, limpa, apresentável e confortável. Nunca liguei a modas, tenho um estilo diferente da maioria das minhas amigas. Não dispenso o preto mesmo no verão e gosto de roupa que não me “aperte muito” mesmo que para isso pareça mais gorda do que sou. É como digo, prefiro conforto a números.

Já pedi roupa emprestada, mas não me senti confortável. Com medo de estragar. Mas, para quem não tem esse problema, use e abuse das “trocas” com as amigas. Principalmente se foi para ocasiões especiais, como casamentos por exemplo. Não gaste balúrdios num vestido se a sua amiga está disposta a emprestar-lhe um que lhe fica bem. São só umas horas…

Pense também em alterar roupa. Apertar aqui, alargar ali, por vezes fica com uma peça com um estilo diferente e assim poupa. No entanto veja se compensa o custo da costureira. Se se ajeitar na máquina de costura, só tem a ganhar.

É tal e qual como nas idas ao supermercado. Faça uma lista do que precisa. Faça conjuntos e verifique se precisa mesmo de 50 tops.

O post que estou a preparar, que mencionei em cima é sobre isso. É uma das medidas de poupança para 2018 e para os anos seguintes.

Eis mais posts que fiz sobre roupa:

Organizar roupa de outra estação

Roupa: Pendurar e guardar

Beleza: Dez dicas para aproveitar melhor a roupa que tem

Organizar Roupa Interior

Retirar Cheiro da Transpiração

Organização de Mantas/DIY – Casa Nova #13

Segunda-feira, Janeiro 22nd, 2018

Quando publiquei este post, mencionei que ia fazer o mesmo na minha casa.

Andei a ver os preços das escadas e vi que estavam totalmente fora do meu orçamento. Nem pensar.

Como não sou menina de desistir do que quero, olhei em volta (mais uma vez) e encontrei na casa do meu pai uma estrutura de uma estante que ele já não usa, porque as prateleiras ficaram tortas. Guardou as partes laterais e eu pedi-lhe uma.

Claro que deu um pouco de trabalho, mas valeu a pena.

Ora vejam o passo a passo.

Ideia inicial, mas com a cor errada 🙂

O corredor da arrecadação serviu de cenário.

Tinta em spray. A parte mais demorada, porque tive de esperar que secasse para a virar e pintar o outro lado.

E lá está ela, já pintada e no sitio.

E o resultado final foi este 🙂

Fiquei satisfeita com o resultado e foi grátis 🙂

O que acham?

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #6 – Água!

Quarta-feira, Janeiro 17th, 2018

Nunca é demais relembrar as dicas de poupança relativamente à água.

Vejo por aí tanto desperdício que resolvi que em 2018 (e espero daqui para a frente), vou seguir à risca o máximo de dicas possíveis e assim reduzir a conta. Isto de pagar tudo sozinha é um desafio. Nem vos passa pela cabeça. Fico pobre logo na primeira semana.

Comecei por lavar a loiça com alguidar. Vejam o post que fiz sobre esse assunto. Mas, há tantas outras maneiras, muitas delas básicas que se estivermos atentas pagamos muito menos.

Ora atentem:

– Os banhos

É muito bom tomar banho de imersão. Não me lembro da ultima vez que o fiz, mas lembro-me que era bom 🙂 mas gasta-se um balúrdio em casa, para não falar em gás.

Obvio que um mimo de vez em quando faz milagres ao nosso corpo, mas por sistema não aconselho.

Eu risquei completamente o banho de imersão da minha lista.

Também já ouvi falar nos banhos cronometrados. Principalmente quem tem crianças e adolescentes que tomam banho sozinhos e não têm a preocupação de poupar. Se não colocarmos um travão, estão lá horas.

– Dentes

Fechar a torneira quando se está a lavar os dentes é quase automático para mim. Mesmo no trabalho à hora de almoço. Não sou eu que pago, mas vejo a fechar a torneira e a desligar as luzes das salas vazia. É um vicio que acho louvável.

– Descargas do autocolismo

Essa é velhinha e aplicada na minha casa desde que me lembro. Já tinha feito um post sobre isso e nunca é demais lembrar. Poupa-se imenso.

– Torneiras

Pois bem, torneiras a pingar equivale a litros e litros de água desperdiçada. Tente arranjar ou peça alguém com jeito para arranjos que dê um jeito. Por vezes basta colocar um isolante e já está. Aconteceu-me com a torneira da máquina de lavar. € 1.20 depois e estava arranjada.

– Máquina de lavar loiça

Eu já tive e só usava ao fim de semana ou quando tinha jantares. Acumular loiça suja na máquina dá-me cabo dos meus nervos, até porque gosto de lavar loiça à mão. Relaxa-me 🙂

Mas, os cuidados têm de existir.

Lavar quando está cheia, ao retirar a comida dos pratos, utilize um guardanapo de papel, para que os restos não danifiquem a máquina (filtros) e para que ela fique bem lavada.

Podem utilizar um ambientador muito barato (como eu usava na minha). Mas, continuo a dizer que lavar a loiça à mão poupa água.

– O ginásio

Quem frequenta o ginásio pode muito bem tomar banho lá e assim poupa água. Eu nem por isso, como sabem tenho uma mania (ver aqui).

E há tantas mais que podem ler aqui no site:

Poupança de Água – Parte 3

Poupança de Água – Parte 4

Se aplicarem 3 ou 4 destas medidas já notam diferença. É tudo uma questão de hábito. O ser humano é de hábitos e estes trazem-nos benefícios.

Agora e porque li algures, eis uma dica de poupança que não consigo fazer.

Dizem que fazer xixi no banho poupa água. Desculpem lá mas fazer xixi para a banheira e consequentemente para os pés, não dá para mim. Nem 8 nem 80. Simplesmente não consigo.

Receitas Económicas/Marmita #9

Quarta-feira, Janeiro 17th, 2018

Mais uma receita simples e que dá perfeitamente para fazer em quantidade e óptima para congelar e levar na marmita.

Ingredientes para 4 pessoas:

700 gr de carne picada (porco ou novilho)

1 cebola grande

Azeite

Placas de lasanha

Queijo mozarela ralado

Sal e pimenta q.b.

Alho em pó

Polpa de tomate ou tomate pelado

Salsa em folhas

Uma embalagem pequena de molho bechamel

Preparação:

Faça um refogado com a cebola picada, o alho, o azeite.

Acrescente a carne, envolva bem e deixe cozinhar alguns minutos.

Junte o tomate e envolva. Tempere com sal e a pimenta e deixe cozinhar mais um tempo.

Quando a carne estiver cozinhada, pegue num tabuleiro de ir ao forno e cubra o fundo do mesmo com a carne.

De seguida coloque as placas de lasanha e vá alternando com a carne.

Deite por cima o molho bechamel, polvilhe com o queijo ralado e leve ao forno a gratinar.

Bom apetite!

Simplificar a Vida #1 – Carteira!

Terça-feira, Janeiro 16th, 2018

Já mencionei neste post que ando muito desapegada das coisas. Que ando a tornar-me um pouco minimalista (estou ainda longe), mas estou a aproveitar o pouco que tenho e estou a ver que não me faz falta o que tenho “despachado”.

Vou começar agora uma serie de posts, para vos mostrar o que tenho mudado na minha vida. Pode ser que vos inspire a fazer o mesmo. Less is more!

1º A carteira!

É um acumular de tralha.

Tudo menos dinheiro.

A dimensão da carteira também conta. Não tenha uma carteira do tamanho de uma bolsa de mão. Quanto maior for, mais tralha coloca lá dentro.

 – Cartões:

Bancários tenho o multibanco e o cartão refeição.

Tenho cartões dos supermercados que vou.

Depois tenho cartões que não sei como foram parar às minhas mãos, como o da Loja Douglas, por exemplo. Não me lembro de ter lá ido.

Tenho o da Norauto de uma vez que fui comprar uma bateria para o carro do meu pai (impingiram-me o cartão e agora não preciso dele).

E ainda estou a decidir o que fazer com o da Makro e da Staples (não vou com a frequência que ia), para quê guardar?

Tenho os documentos de identificação (cartão de cidadão, carta de condução), o do emprego porque são mesmo necessários, e tenho o das farmácias, porque dá-me jeito os pontos. O do ginásio tenho-o no bolsa do saco do ginásio, não o guardo na carteira.

– Fotografias

Não transforme a sua carteira num álbum fotográfico. Precisa mesmo de ter 10 fotografias dos seus filhos para se lembrar deles?

Eu tenho uma da minha mãe, do meu pai e do meu Simão 🙂 (A do Simão foi tirada em Moledo do Minho, na primeira vez que ele viu a praia. A expressão dele foi maravilhosa).

 – Talões de supermercado

Tome nota na agenda da despesa que fez e guarde só aquele talão de algum produto que precise mesmo de trocar. Os que servem de garantia, guarde numa pasta junto com as instruções. Não se esqueça de tirar uma fotocópia dos talões que servem de garantia, porque com o tempo a tinha desses talões desaparece. É um conselho de amiga.

– Talões do multibanco

Guarde-os até conferir o extracto bancário. Depois mande-os fora. Os de pagamento, agrafe à factura e guarde no arquivo.

– Cartões de Visita

Precisa mesmo de ter 20 cartões de visita na carteira? Principalmente aquele que colocaram na sua caixa de correio? Que tal escrever na agenda telefónica ou mesmo gravar no telemóvel os contactos úteis e o resto colocar na reciclagem?

– Talões do Euromilhões

Esta é mesmo uma indirecta para mim, já que guardo os talões durante imenso tempo, mesmo os que dizem SEM PRÉMIO

– Dinheiro

Em relação ao dinheiro, ande sempre com pouco, mas o suficiente para uma emergência, como táxi ou para alguma comida para o caso de ter fome. Por vezes é complicado encontrar um multibanco perto. Para terem uma ideia, ao pé de minha casa, fecharam dois balcões.

Eu ainda ando com as minhas divisórias do sistema de envelopes na carteira, mas como tenho sempre tão pouco para cada categoria, não faz muita diferença.

E com isto tudo, com certeza que tem a carteira muito mais leve.

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #5 – Casa!

Segunda-feira, Janeiro 15th, 2018

Este post é mais genérico, porque há imensas maneiras de poupar dinheiro na sua casa

– Primeiro que tudo é verificarem as condições do vosso crédito habitação.

Eu não tenho esse problemas, mas conheço casos em que a renda baixou 150 euros e isso multiplicado por 12 meses, é uma boa quantia no final de ano. Perca a vergonha e faça a chamada.

– Pilhas recarregáveis são um óptimo investimento.

Vai poupar dinheiro a curto/médio prazo. Podem ser mais caras mas compensam depois.

Eu passei outra vez a aplicar essa regra. Mas sempre tive essa ideia implementada, mas durante uns tempo descurei-me.

– Faça cedências

– Não é só por estar na moda, mas levar a marmita para o emprego equivale a uma poupança considerável. E não falo só da marmita do almoço. E os snacks? E os sumos? Veja alguns dos beneficios neste post.

Eu continuo a fazer as minha cedências. A fazer contas, a escolher produtos de marca branca, quando os de marca ficam mais caros, mesmo em promoções.

Continuo a ir à loja do Euro comprar guardanapos porque é mais barato do que no supermercado. Uma das minhas resoluções futuras é deixar de comprar guardanapos em papel, mas tudo a seu tempo.

– Corte o mal pela raiz

Precisa mesmo de ter a carteira cheia de cartões?

Veja o que precisa e cancele o resto.

Fiz este post em 2014 e continuo a pensar da mesma maneira.

– Manutenção dos aparelhos eléctricos

Há imensas coisas que podemos fazer mesmo sem formação. Há livros, há dicas na internet, há vídeos que pode ver. Faz-me confusão quem contrata pessoas para colocar um varão de uma cortina ou trocar uma tomada ou mesmo colocar um candeeiro.

Ninguém está a dizer para mudar toda a canalização  da sua casa, mas pequenos arranjos são fáceis de fazer. Eu já fiz imensas coisas. O meu irmão então nem se fala 🙂

Planeie tudo muito bem e vai ver que consegue um belo pé de meia para imprevistos que teimam em aparecer.

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #4 – Gás!

Sexta-feira, Janeiro 12th, 2018

(Coloquei de propósito a chama no máximo para verem o desperdício que é colocarem uma panela pequena num bico grande)

Durante quase dois anos tive botija de gás.

E não gostei nada.

Acho que a água do banho não aquece como se tivesse gás canalizado, acho que o esquentador desliga depois de um tempo e a trabalheira que é quando acaba (geralmente durante o banho) não é nada agradável.

Claro que podemos ligar e uma empresa vai entregar a casa. Mas, se o gás acabar às 21 horas por exemplo, não vale a pena telefonar. Porque só entregam (e se tiverem vaga) no dia a seguir à noite e o banho da manhã?

Enfim, foi um descanso quando passei para o gás canalizado.

Mas, tenho de ter mais cuidados com a poupança. Porque o meu fogão na casa antiga era eléctrico, este é a gás.

Eis o que estou a praticar desde a mudança.

– Tento cozinhar o máximo que posso na panela de pressão. Equivale a menos tempo e a menos gás.

– Aqueço água na chaleira em vez fervedor ao lume.

– Coloco panelas do tamanho do bico (ver exemplo na imagem em cima)

– Não abro o forno a toda a hora quando estou a fazer algum assado. Olho pelo vidro e ligo a luz para ver.

– Não deixo a chama do piloto acesa. Este esquentador é automático, mas conheço quem deixe sempre ligada. Se a chama está acesa, está a gastar. Tão simples quanto isso.

– E por fim, reveja as opções de fornecedores de gás. Agora há mais opções. Veja o que é mais vantajoso para si.

E assim se poupa!

Poupança: Folhetos e Promoções #68

Quinta-feira, Janeiro 11th, 2018

Aqui têm as promoções e oportunidades existentes nos folhetos.

Espero que vos ajude a programar melhor as vossas compras.

Minipreço – Folheto Nacional (Promoções até 17 de Janeiro)

Minipreço – Folheto Family (Promoções até 17 de Janeiro)

Minipreço – Bazar e Têxtil (Promoções até 17 de Janeiro)

Continente – Preços mais Baixos (Promoções até 15 de Janeiro)

Lidl – (Promoções até 14 de Janeiro)

Jumbo – Fim de Semana Jumbástico (Promoções até 14 de Janeiro)

Pingo Doce – (Promoções até 15 de Janeiro)

Intermarché – (Promoções até 15 de Janeiro)

Aldi – (Promoções até 16 de Janeiro)

Boas compras!

20 coisas que não sabem sobre mim – Parte 19

Quinta-feira, Janeiro 11th, 2018

 

Os saldos!

As Black Fridays!

As promoções de roupa e tecnologias!

Não gastei um cêntimo.

E não é só por não ter orçamento para isso.

É porque não precisei e fujo a sete pés dos centros comerciais. Fujo das lojas, filas…detesto, detesto, detesto.

Tenho o que preciso e o que posso pagar. E é assim que devíamos todos viver.

Medidas de Poupança / 2018 – Dica #3 – Aproveitamentos!

Quinta-feira, Janeiro 11th, 2018

Na casa antiga, eu tinha poliban.

Podem ver aqui como limpava as portas.

Comprei este tapete na Primark (por menos de 5 €) porque os que encontrei à medida do poliban eram mais caros e assim ao comprar um grande, podia cortar ao meio e dava para 2 vezes.

It´s a win win situation 🙂

Como agora na casa nova tenho banheira, já estão a ver o cenário, não estão?

Acham que ia comprar um novo, estando este em óptimas condições?

Pois, juntei-os bem e como tem ventosas, nem se dá por isso.

Isto aplica-se a imensas coisas.

Aproveitar o que temos, evitar gastar dinheiro quando temos alternativas.

Viver com Menos #96 – O Consumismo!

Quinta-feira, Janeiro 11th, 2018

No outro dia estava à conversa com uma colega de trabalho e falávamos do consumismo. Dos aparelhos eletrónicos, dos gadgets, de tudo o que temos e não precisamos. Da obsessão dos miúdos.

Chegámos à conclusão que é um exagero e um abuso.

Só para terem uma ideia do que penso sobre este assunto. E não é só porque não posso a nível monetário, é porque penso mesmo assim e vivo desta maneira.

O meu telemóvel está super desactualizado (já há mais 5 versões acima do meu) e enquanto durar está óptimo. E tenho um “tão bom” porque preciso de tudo o que lá tenho. Não tenho uma aplicação que não uso. Não preciso mesmo de um telemóvel topo de gama.

Não tenho tablet.

Tenho um mp3 velhinho (como mostrei aqui) e o meu pc é antigo. Tem uns quantos anos e funciona. Não preciso da versão xpto para viver. Aliás só o ligo em casa para agendar posts e trabalhar no meu próximo protejo.

Não ligo nada a tecnologias. A minha agenda é em papel, tenho um ou outro lembrete no telemóvel porque dá-me jeito ter o aviso.

Vejo o consumismo por aí e assusta-me. Só para vos dar um exemplo. Recebo imensas encomendas de colegas no local de trabalho e faz-me confusão. A mim que não tenho disponibilidade para isso, mas as vendas on-line são à distância de um clique e acho que isso influencia. Acredito que 95% dos meus colegas encomendam tudo on-line (para não dizer 100%).

Os convívios nos centros comerciais também “são culpados”, as amigas (já lá vai o tempo em que comprava porque as amizades influenciavam), o “andar na moda” é prejudicial à nossa carteira. Quem gosta de nós, não liga se temos uns Adidas Superstar originais. Eu então tenho umas réplicas que comprei na feira. Parecem mesmo originais e uso só de vez em quando, porque só vejo pés com Adidas. Perco logo a pica de os calçar.

Tudo isto tem um preço e depois de tanta vivência, tanto erro, vejo que isso não é para mim.

Estou a ler um e-book sobre este assunto e tem sido um autêntico “abre-olhos”. Tanta coisa que está lá que quero aplicar na minha vida. Tanta coisa…

Quando acabar partilho com vocês.

Related Posts with Thumbnails
Pesquisa
Agenda – Livro

Livro-Agenda

À venda a partir do dia 18/11/2015Comprar livro
O Meu Livro

Livro à venda nas livrarias, papelarias, nos hipermercados e CTT

Veja o video

Spartoo
Ellas
Unik
A Festa na Hora
Facebook

Canal no You Tube

Instagram

Pinterest

Twitter

Dica da Semana

Dica da Semana

Semnalmente:

- Faça Menus da Semana. Vai ver que poupa imenso na despesa do supermercado.


A Dona de Casa Perfeita - 2008/2016 - Alojado por tetoOnline