Mónica, Lisboa, Portugal
Arquivo
Translater
    Translate to:

O meu Simão
Marca Registada!

marca registada
Resposta aos E-Mails
Sábado e Domingo
Ajude os Animais!
Imagens!
Algumas das fotos deste Blog são retiradas da internet, se alguém tiver os direitos de autor, é só me enviar um mail que eu retiro...as minhas podem utilizar se possível com o link para aqui.
Escolhe o dia!
Maio 2018
STQQSSD
« Abr  
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031 
O que ando a ler!!!

Archive for the ‘Dieta’ Category

Update da dieta #41 – Ser Fit ou Ser Feliz?

Terça-feira, Março 20th, 2018

Recebi alguns emails, comentários e afins a criticar-me por ainda não ter chegado ao meu peso ideal , simplesmente porque não quero. Não me esforço a sério, não me mexo, sou uma calona, etc…

Desta vez não vou dizer que estão totalmente erradas 🙂

Quando andava no Viva Fit, ia ao ginásio com gosto. Porque eram aulas de dança. Não eram máquinas, nem andava metida nos grupos de corrida. Mas com a mudança de casa, tudo mudou. Com a depressão tudo mudou. Sabem o que é não ter vontade para sair da cama? Sabem o que é chorar por tudo e por nada?

Há uns tempos atrás coloquei uma foto no Facebook com a seguinte legenda:

Hoje em dia o objectivo de muitas pessoas é apenas um: Ser magra.
Não interessa o que se faz para atingir esse objectivo. Desde passar fome até ao uso de medicamentos que só fazem mal à saúde.
A pressão que se sente por não pertencer ao grupinho que corre, que é fit, que come aveia, que come proteína às colheres e misturada em batidos é assustadora.
Sou a favor de uma vida saudável. Sou a favor de fazer exercício com moderação, de nos sentirmos bem na nossa pele, mas não sou de extremos.
Não sou a favor da obsessão, do ceder às pressões e às modas.
Tenho curvas e aprendi a gostar delas. Tenho peito (que me dá volume) mas aprendi a gostar dele.
E não. Esta magreza não é o objectivo de todas as raparigas.
O objectivo devia ser o ser feliz, independentemente do corpo que temos. O objectivo é fazermos o que nos faz bem. Quem gosta de nós, gosta de TUDO!

Eis a foto que publiquei.

Continuo a pensar da mesma maneira.

Não sou fit, não estou no meu peso ideal, porque faço o que me faz feliz.

Acreditem que corto com imensa coisa para não engordar. Manter o peso para mim já é uma vitória.

Não sou feliz a correr…

Não sou feliz a fazer exercício no ginásio…

Não sou feliz a seguir modas…

Não sou feliz a fazer o que é suposto, para parecer bem…

Sou feliz a cometer uma loucura gastronómica de vez em quando…

Sou feliz a comer uma fartura quando vou à feira…

Sou feliz a fazer as minhas caminhadas perto de casa (ou na praia), porque com isso aprecio a paisagem, respiro ar puro e o mar para mim é um remédio santo.

Sou feliz deitada no sofá a ver as minhas series…

Isso faz-me feliz!

Dou-vos um exemplo:

Sabem quem é a Isabel Silva?

A apresentadora da TVI?

Pois bem, ela tem uma filosofia de vida completamente impensável para mim. PARA MIM!

Come coisas que nunca vou ingerir…

Tem uma prática desportiva que nunca vou ter…

Tem uma energia contagiante, mas too much para mim (onde anda o botão desligar daquela miúda) 🙂

E com tudo isto, ela é feliz. Aparentemente já que o que vemos na internet é subjectivo e nem sempre é real, mas quero acreditar que neste caso seja assim.

Ela é feliz a fazer o que faz!

Eu também! 🙂

Somos completamente diferentes, até porque ela é mais nova do que eu 14 anos e isto da idade conta. Passamos os 40 e tudo muda. E eu já vou nos 45.

Isto tudo para dizer que vou devagarinho. Muito devagarinho. Penso muito na minha mãe que morreu com 53 anos. Eu quero aproveitar a vida. Quero fazer o que me faz feliz. Quero enfardar com as minhas amigas nos jantares de grupo e chegar ao fim do dia a pensar que aproveitei bem. Quero ver um filme com a minha melhor amiga, sentada no sofá a comer Cheetos 🙂

Quem gosta de nós, gosta de tudo. Até das nossas curvas e celulite.

A vida é um sopro para não fazermos o que nos faz feliz.

Update da dieta #40

Quinta-feira, Março 1st, 2018

Como mencionei no post anterior (ver aqui) ando sem vontade para me mexer.

Ir trabalhar é um sacrifício.

Levantar-me é um sacrifício.

Só me apetece dormir e este tempo não ajuda. Fartinha da chuva. Faz-me mal. Estou com uma depressão e o sol que apanhei na semana passada fez milagres e agora voltou tudo outra vez.

Mas este post é sobre o pilates 🙂

A minha melhor amiga anda a chatear-me para ir com ela para o pilates.

Não me estou a imaginar a fazer isto com frequência. Gosto de aulas com dança e movimento, mas dizem que iria fazer-me bem.

Alguém por aqui que já fez e gostou?

Notaram diferenças na postura?

Aquilo acalma os nervos? 🙂 (estou a brincar)

Update da dieta #39

Terça-feira, Fevereiro 20th, 2018

O meu estado de espírito actual, faz com que eu não tenha vontade para fazer grande coisa.

O almoço é o que coloco nos posts das Opções de Marmita, ao jantar, ora é sopa, ora é refeições como mostro em cima. Cometo uma loucura muito de vez em quando, mas de resto ando a portar-me bem.

Em relação ao exercício, esqueçam!

Cancelar a inscrição foi o primeiro passo. Moro em frente e mesmo assim não me apetece andar 50 metros, quanto mais uma hora de exercício. Não há parcerias, não há mensalidades baixas, não há força de vontade para me mexer.

Estou diferente. Estou com um problema de saúde, estou com problemas profissionais, só me apetece estar sozinha e bezerrar no sofá. A curtir as minhas series, a ler, a tentar dormir, a tentar desligar-me do mundo.

Tenho o meu próprio jantar de aniversário marcado e estou sem vontade. Precisava de dormir uma semana seguida.

Esperemos que a medicação funcione e que a Mónica “normal” volte em breve. Tenho saudades dela 🙂

Update da dieta #38

Quarta-feira, Janeiro 10th, 2018

(Os 20 segundos de prancha que fiz no primeiro dia. Ia morrendo)

Pois bem, a minha luta continua e continua numa base diária.

Agora que vivo um pouco mais longe da estação, ando muito mais. Há transportes, mas penso sempre no bem que me faz aquelas caminhadas. 15 minutos para cada lado, mais 15 minutos da estação do Oriente até ao escritório e regresso, fora o que ando durante o dia no escritório. Dúvidas?

Vejam o post:

As Administrativas estão sentadas o dia todo!

Mas, como eu sou masoquista, acho que tenho uma veia sim 🙂 faço coisas quando chego a casa.

Abdominais

Agachamentos

Prancha

Uso diariamente o meu cinto vibratório.

E voltei a usar a minha Faixa Esbelt – Ipanema quando estou em casa.

Por aqui tenta-se tudo. E como mencionei num dos posts desta categoria (ver aqui) tenho o ano todo para perder os quilos a mais. Ou vai ou racha 🙂

Update da dieta #37

Quinta-feira, Janeiro 4th, 2018

Quando publiquei esta foto num post “Look do Dia” recebi algumas mensagens/comentários sobre a minha forma física.

Até fiquei surpreendida porque foram todos positivos.

“Estás tão bem, não precisas de perder mais peso”

“Queres perder peso porquê? Pareces uma miúda”

O problema é que não me sinto bem com o peso que tenho. Sou baixinha, tenho 1,50 e embora adore as minhas curvas e as minhas mamocas :-), queria perder o volume que tenho nas pernas (parte superior) e na zona abdominal. Para além de querer ficar mais tonificada (inveja do rabo da Raquel Henriques 🙂 )

Começo o ginásio amanhã e a alimentação não está a ser esquecida. Como mencionei no post anterior

“Se a Flávia Monzano conseguiu perder 40 kg em 11 meses, eu consigo perder 9 num ano”.

Vamos ver como corre.

Update da dieta #35 – I did it again!

Quinta-feira, Dezembro 7th, 2017

Já estava a ressacar 🙂

Embora andasse a fazer imenso exercício (mudanças são exercício forçado), andava com saudades das aulas no ginásio.

Como agora fico mais longe do Vivafit, inscrevi-me no Pump que fica a 2 minutos da casa nova.

Tem aulas de grupo, tem umas instalações fantásticas, o balneário também é muito bom e consegui uma mensalidade super barata.

Andei atenta e consegui vantagens na inscrição. Perfeito!

Tenho aulas 3 dias por semana e é o suficiente para mim. Para me manter activa, para me manter motivada nesta minha luta na perda de peso.

Update da dieta #34 – Descobri que tenho músculos!

Terça-feira, Novembro 28th, 2017

Mencionei neste post que estava com saudades do ginásio.

Mas neste momento só me apetece estar como o meu Simão na foto em cima.

Deitada de papo para o ar à espera que as coisas apareçam feitas.

Estou exausta, doí-me músculos que nem sabia que tinha. Acho que preciso de 3 dias seguidos só para dormir.

E ainda não comecei com as mudanças a sério.

Será que este esforço todo conta como exercício?

Update da dieta #34 – As diferenças!

Quarta-feira, Novembro 22nd, 2017

Eu costumo tirar fotos no elevador do trabalho 🙂

Diverte-me!

E é nestas fotos que noto as diferenças.

Noto não só nestas fotos, como noto na roupa.

Estou menos inchada e sinto que estou no caminho certo para atingir o meu objectivo.

E vocês?

Também notam a diferença?

Update da dieta #33 – A falta que o ginásio faz!

Terça-feira, Novembro 14th, 2017

Já anulei a matricula.

Já não reservo aulas no site.

Já não preparo a mala nem a roupa.

Já não organizo a agenda consoante o horário das aulas.

E faz-me imensa falta.

Já estava habituada e estava entusiasmada mas sei que foi o melhor. A distância ia ser um problema. Conheço-me e sei que o ginásio tem de estar muito perto.

Agora chego a casa e toca de destralhar. Cansada mas tenho de preparar tudo para quando for altura de levar os meus pertences para a casa nova.

É nestas alturas que agradeço a Deus, ter pouca coisa. Acho que a minha roupa cabe em 3 sacos 🙂

Update da dieta #31 – Objectivos!

Sexta-feira, Outubro 27th, 2017

Estão a ver esta foto?

Sim, sou eu 🙂 em Setembro de 2015.

Estão a ver as calças vermelhas?

Pois, agora não me servem. 🙁

Estão a ver qual o meu objectivo?

Sim, caber naquelas calças. 🙂

Sou assim. Tenho de traçar metas e aquelas calças vermelhas estão assim a modos que entaladas.

Vejam a diferença entre as que uso agora e as calças vermelhas do demónio 🙂

Eu chego lá!

A alimentação da Mónica!

Terça-feira, Outubro 24th, 2017

A pedido eis as minhas refeições.

Isto foi no sábado, mas até agora tem sido mais ou menos isto, a minha alimentação.

Não estou a sentir fome e espero ver resultados dentro em breve. Mais por questões de saúde, já que andar com dores e inchada, não é nada agradável.

Pequeno-almoço: Leite sem lactose, café com adoçante (próximo passo é eliminar o adoçante), ainda não consigo e duas fatias torradas de pão de arroz. Coloquei um pouco de creme de barrar vegetal.

A nutricionista disse para substituir o creme de barrar pela manteiga de amendoim, mas não gosto.

Almoço: Hambúrguer de Frango com salada, arroz branco e macedónia de legumes.

Este almoço foi em casa, mas hoje por exemplo comi salmão no forno com batata doce e couves de bruxelas. Mostro depois no post das “Opções de Marmita”.

Lanche da Manhã: Iorgurte de morango sem lactose e uma banana.

Quando tenho ginásio, como a banana à tarde. E vou variando na fruta. A nutricionista disse para comer umas bolachas quando comer fruta (para cortar o açúcar), mas ainda não fiz. Gosto mais de bolachas com o chá.

Lanche da Tarde: Chá verde e bolachas sem glúten.

Bebia quase sempre um café da máquina e muitas vezes um croissant com fiambre ou um donuts. Pois…

Jantar: Sopa de brócolos sem batata com um ovo estrelado e fiambre de frango.

Aqui noto diferenças, já que a sopa eu sempre comi à refeição e muitas vezes com ovos (2), mas comia também uma carcaça e isso já coloquei de parte.

Ceia: No sábado não comi mais nada, mas ontem por exemplo comi uma gelatina.

Estou a beber um litro de chá por dia e a beber água.

Vamos ver o que dá 🙂

Update da dieta #31 – Intolerâncias!

Terça-feira, Outubro 24th, 2017

Este fim-de-semana foi de planeamento e mudanças. Precisava de ocupar a cabeça, devido aos últimos acontecimentos com o meu pai e pus mãos à obra.

Como mencionei na semana passada (ver este post),  fui à nutricionista do ginásio e parece que levei uma paulada 🙂

Lembrei-me que em 2014 trabalhei numa Repartição de Finanças e emagreci 9 kg. Num espaço de 3 meses.

Como fiz?

Pois, lembrei-me que nessa altura alterei por completo a minha alimentação. Cortei a sério no glúten e na lactose e sentia-me muito bem. E consequentemente o peso baixou.

Quando voltei a ingerir alimentos “proibidos” e a abusar nos jantares convívio, as dores, o inchaço e o peso a mais voltaram.

E parece que me tinha esquecido desse pormenor.

Fui mesmo estúpida. Tenho de me mentalizar que não posso comer e embora não seja fácil e seja mais dispendioso, tenho mesmo que aceitar esse facto.

Imagens que partilhei na altura em que estava mesmo focada. Depois foi o descalabro.

Este fim-de-semana dei volta à despensa e ao frigorífico e “livrei-me” de algumas coisas. Coloquei entre aspas porque fiz trocas com o meu irmão, como faço com a roupa, por exemplo (ver aqui como faço a parte da roupa) e fui ao supermercado com o dinheiro que o meu irmão me deu, comprei produtos diferentes e fiz pão, fiz sopa sem batata e mudei a minha alimentação.

Peguei no pc e pesquisei sobre o assunto, peguei nos livros de culinária e elaborei listas, enfim deu-me uma trabalheira mas sei que é benéfico para mim.

Estava com tempo para mim e aproveitei-o ao máximo.

Como já me pediram muitas vezes, hoje ainda publico um post sobre o que como diariamente. Desde o pequeno-almoço até me deitar. E se tiverem alguma dúvida, façam o favor de perguntar e todas as ajudas são úteis e eu agradeço imenso.

Update da dieta #30

Quinta-feira, Outubro 19th, 2017

Lembram-se que comentei que a minha desgraça era o pão e que tinha começado a comer pão normal e não sentia dores?

Ver este post

Pois, esqueçam!

Fui à nutricionista do ginásio e “levei na cabeça”.

Não posso comer nada com glúten. Nem lactose. E se calhar o que está a fazer com que não perca peso tão facilmente é mesmo estar a ingerir alimentos com glúten, quando não devia.

Ai, a minha vida.

Deu-me uma lista e há coisas que nem sequer conhecia.

Pão de espelta?!? O que é isto, minha gente? 🙂

Fiz uma pesquisa na internet e é tudo tão caro.

Restrições e mais restrições.

É desmoralizante. Pensei que já estivesse melhor, mas vou ter de me mentalizar que não posso comer o que quero.

Adoro pão e gosto do branco, de trigo, que me faz mal.

Update da dieta #29

Quarta-feira, Outubro 11th, 2017

Relativamente ao exercício, tem de haver imensa força de vontade. É só o que vos digo.

Depois de um dia de trabalho, em que venho estoirada, em que venho com a cabeça a precisar de desligar, em que venho com vontade de me deitar no sofá e só acordar no dia seguinte e mesmo assim tenho ido ao ginásio.

Eu não sou fanática do exercício. Não tenho planos de ficar super definida.

Gosto de me mexer, mas não tenho aquele bichinho do exercício. Não tenho mesmo!

Preciso de fazer exercício porque sinto que estou em baixo de forma. Canso-me muito e ainda não estou velha para me acomodar. Nada mesmo! 🙂

A minha prioridade neste momento nas idas ao ginásio é sentir-me bem e feliz.

Entrar sem vontade e sair de lá a transpirar mas feliz.

Feliz porque dancei, porque brinquei, porque ri e porque fiz algo que me fez feliz. Vou para casa com um sorriso.

Porque estive meia hora a abanar a anca, a dançar Sean Paul e acreditem que eu fico bem melhor.

E eu adoro e aproveito os momentos felizes da minha vida.

Porque por vezes é o que tenho de melhor.

Update da dieta #28

Terça-feira, Outubro 10th, 2017

A dieta está a correr bem (cof cof), sobre o exercício escrevo em outro post 🙂

E em relação à linha anterior eu explico.

Sou fraca!

Não consigo deixar de comer pão.

A minha intolerância ao glúten tem vindo a melhorar e embora ainda coma esparguete sem glúten, por exemplo, porque habituei-me, já posso comer carcaças sem ficar com dores.

Claro que se comer 10 fico inchada mas também, isso nunca acontece.

O que acontece é que tinha planeado comer apenas um pão por dia (ao pequeno-almoço) e na prática não está a acontecer.

Adoro carcaças.

Há uma padaria no percurso de 3 minutos que levo da estação dos comboios até casa e é a minha desgraça.

Portanto, como 2 a 3 carcaças por dia e sei que está a estragar o meu plano.

Help!!!!

Update da dieta #27

Quinta-feira, Setembro 21st, 2017

Pediram-me uma actualização da minha dieta, por isso aqui vai:

Isto está a correr bem:-)

Sinto-me cansada, doí-me os músculos, ainda não faltei às aulas no ginásio, estou a comer bem e ainda não ando mal humorada.

No outro dia fui jantar com familiares a um restaurante rodízio e comi o que mostro em cima. O meu pai até perguntou se estava doente.

Tanta comida, ali à mão e eu fartei-me de comer alface.

Ando super motivada, vejo que algumas calças já estão mais largas, embora ainda não me tenha pesado, mas vejo que estou menos inchada.

Vou ao ginásio com vontade e tenho recebido ajuda e motivação por parte das professoras. No outro ginásio era um número, agora sinto-me bem, é totalmente diferente e para quem é “fraca” nestas coisas de exercício, ter este apoio é fundamental.

Por isso, quem está na mesma situação que eu, não desista. Não desista à primeira dor, não desista à primeira contrariedade. O principio é sempre o mais difícil.

Eu não quero tornar-me numa obcecada pelo fitness (longe disso). Quero estar saudável e gostar de olhar para o espelho, aumentar a auto-estima.

E isso, só depende de mim.

Update da dieta #26

Quinta-feira, Setembro 14th, 2017

 

Vocês sabem que eu já fiz quase tudo para emagrecer, não sabem?

Tirando as operações plásticas (cujo orçamento não permite), já tive um plano com uma nutricionista, já frequentei ginásios xpto, já segui planos de amigas, já fiz jejum…enfim, tem sido uma luta.

Já fiz isso tudo e os resultados nunca foram os desejados. Nunca consegui alcançar o meu peso ideal.

E para uma pessoa como eu, que se considera uma lutadora e uma pessoa que não desiste fácil, está a tornar-se num desafio. Daqueles bem irritantes 🙂

Isto tudo para vos dizer que a mentalidade também é muito importante.

E é isso que noto agora desde que comecei a minha 100ª tentativa.

Noto que me preocupo com o que como. Não penso em pão, não penso em fritos, não penso em croissants com fiambre, não penso em bolachas e para mim comer salada à noite tornou-se num hábito que até me agrada.

Não estou a fazer as coisas só porque sim.

Não estou a melhorar a minha alimentação, só porque tem de ser.

Estou a ter gosto e isso deixa-me surpreendida.

Os meus snacks passaram a ser gelatina e a fruta com iogurte que levo nos meus potes.

Inscrevi-me no ginásio, cuja localização teve uma importância brutal e ainda não faltei.

Vejo-me a reservar aulas on-line.

A preparar a mala do ginásio antes de sair para o trabalho.

Vejo-me a organizar a minha vida para ter tempo para ir ao ginásio.

E isso é inédito em mim.

Sou muito de fazer listas como sabem, mas o ginásio era excluído muitas vezes e agora não.

Estou a fazer exercício e a comer bem e mentalmente noto que estou diferente.

Deve de ser da idade 🙂 🙂

Update da dieta #25

Terça-feira, Setembro 12th, 2017

Na semana passada cometi uma loucura 🙂

Inscrevi-me no ginásio. Mais uma vez. Sou teimosa que nem um raio.

Em 5 dias, já fui a duas aulas e o ginásio esteve fechado 3 desses 5 dias.  Grande média 🙂

No dia a seguir à primeira aula doía-me músculos que não sabia que tinha.

E cheguei à conclusão que estou mesmo enferrujada.

Nunca estive em tão baixo de forma como estou agora e assustei-me. E embora faça as minhas caminhadas semanais, vejo que isso não faz o efeito desejado.

Precisava de exercício regular e localizado.  E não é só pelo aspecto estético, é mesmo por uma questão de saúde.

Quando estava mais activa no ginásio onde andei há 4 anos e deixei porque perdi o emprego que tinha na altura, conseguia fazer 3 minutos de prancha. Agora 30 segundos são um sacrifício. Muito mau mesmo.

Vou a aulas de dança e a outras mais especificas para tonificar e melhorar a flexibilidade.

Estou focada, fica super perto de casa, vou logo quando chego do trabalho e assim não há desculpas.

Update da dieta #24

Terça-feira, Agosto 29th, 2017

No meio desta minha luta contra o peso, cheguei à conclusão de uma coisa.

As pessoas são de hábitos.

Ainda continuam a ter horários para comer.

Temos horas de almoço que o patrão estipula (na maioria dos casos).

Temos horas para jantar porque a família reúne-se à mesa.

Enfim…dei por mim a lanchar porque era hora do lanche. Nem sequer tinha fome. Não sei, vi que era hora e fui comer.

E esta é uma rotina que quero abdicar.

E talvez com isto eu consiga perder peso 🙂

Por aqui tenta-se tudo.

Update da dieta #23 – Resultado!

Quinta-feira, Agosto 24th, 2017

Lembram-se deste post?

Em que eu me desafiava a estar 7 dias sem os produtos que estão na imagem em cima?

Até me esqueci de fazer o post com o resultado, porque foi uma semana de sofrimento 🙂

Comi imensos ovos, café preto não tem piada sem leite nem sem açúcar, viver sem pão foi um martírio, já que comia ovos ao pequeno almoço e enjoei. É raro comer agora. E os ovos só me sabem bem como pão.

Hidratos depois das 19, não foi muito complicado porque era raro comer, mas não foi fácil. Andei dias cheia de fome, porque parecia que só me sentia saciada se comesse tudo o que estava na lista.

Vocês sabem que eu experimento tudo, mas este desafio foi dificil. A semana demorou imenso  tempo a passar.

Posso fazer uma dieta em que como pouco pão, agora sem pão e sem leite, é que é mais complicado.

No inicio de Setembro tenho novidades acerca do tema Dieta, que depois partilho convosco.

Ou eu fico magra, ou eu fico magra 🙂 🙂

Related Posts with Thumbnails
Pesquisa
Agenda – Livro

Livro-Agenda

À venda a partir do dia 18/11/2015Comprar livro
O Meu Livro

Livro à venda nas livrarias, papelarias, nos hipermercados e CTT

Veja o video

Facebook

Canal no You Tube

Instagram

Pinterest

Twitter

Dica da Semana

Dica da Semana

Semnalmente:

- Faça Menus da Semana. Vai ver que poupa imenso na despesa do supermercado.


A Dona de Casa Perfeita - 2008/2016 - Alojado por tetoOnline