A minha filha mais velha tem um colega na escola que lhe mete medo, a ela e aos colegas.

O menino, de acordo com a escola, joga muitos jogos de computador (a minha filha também), vê muita televisão (a minha filha também),  mas pelos vistos aquilo a que tem acesso não é filtrado, portanto os jogos são de armas e guerras, os filmes são violentos e ele gosta de ameaçar que mata toda a gente e tem muitas vezes este tipo de discurso.

Já toda a gente sabe disto, ela também, mas ontem deve ter ficado mais perturbada e à noite chorou, com medo de morrer…

Eu nem sei o que lhe diga, tentei explicar que o menino deve precisar de mimos, de atenção, para tentarem todos falar com ele e explicar, que se matar toda a gente, não tem com quem brincar.

Mas ela estava com medo, ele já repetiu o discurso tantas vezes que aquilo deve estar a entranhar.

Para tentar acalmar aquela menina que chorava, tentei que ela pagasse a maldade dos comentários com amor, porque acho que é com amor que se resolvem os problemas, mas o meu coração de mãe fica preocupado.

Tentei convencê-la, e a mim, que cão que ladra não morde, e que o caso é mesmo falta de carinhos e disponibilidade emocional por parte de quem não está a conseguir lidar com os problemas, ela lá adormeceu mais calma, mas eu fiquei a matutar nisto e agora tenho mesmo que me convencer de alguma maneira que nem toda a gente educa os filhos da mesma maneira, e rezar para que as pessoas com que a minha filha se encontrar ao longo da vida, partilhem os mesmos valores que ela para que eu me sinta e mais importante, para que ela se sinta segura.

Related Posts with Thumbnails