Olá a tod@s!

Em primeiro lugar, é ponto assente na nossa casa: Não se bate. Nem se grita. Não. Ponto.

Educar uma criança através do amor, da conversa e da compreensão sempre foi e até hoje tem sido a nossa maneira de educar. E felizmente estamos muito contentes com o resultado que isso tem gerado no nosso bebé.

O que é certo é que a partir do ano e meio, começam a aparecer as birras… E o “não”!

É verdade que o nosso bebé não é muito de birras e exigências, mas de vez em quando lidamos com alguma birra.

E como é que se lida com isso em nossa casa? Em primeiro lugar, com muita paciência… não podemos combater uma birra sem paciência. Temos que tentar entender o que está por detrás daquela birra em específico. Depois, não dar importância à birra no momento, relevar.

E por fim, abraçar e conversar com a criança. Por mais pequenos que sejam os nossos bebés, eles ouvem-nos e percebem-nos. Falar com calma sobre o que se passou, o que não gostamos naquele comportamento, e que ficámos tristes por ele/ela se ter comportado assim. As nossas crianças assimilam tudo, e para a próxima o comportamento vai sendo corrigido.

E digo-vos, no nosso caso, este tipo de educação tem dado muitos mas muitos frutos: como disse, o nosso bebé não faz muitas birras, e as que faz, depois de conversarmos sobre isso, é raro repetir, e se repete, diz depois assim “não não”, como quem percebeu que aquele comportamento não estava certo.

E por fim, notamos que por isso, é um bebé calmo, feliz e descontraído.

E vocês, como lidam com as birras em vossa casa?

Até à próxima! 🙂

Related Posts with Thumbnails